quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Mamas aos pulos!

Estamos no Verão e eu ainda não disse nenhum disparate sobre a praia... Talvez porque, este ano, ainda não tive oportunidade de lá pôr os pés. Talvez porque nunca mais esqueça um trauma que passei há alguns anos.

Fui à praia e levei a minha mãe e duas amigas. Todas na casa dos 50, todas, digamos, redondinhas, todas com seios XXXL. E perguntam vocês: a que propósito vem esta referência aos seios da tua mãe e das amigas?

Vocês são terríveis, não vos escapa uma.... Tenham calma, deixem-me contar a história e já vão perceber...

Estava eu a dizer antes de ser interrompido que fui à praia mais a minha mãe e duas amigas dela. Estava tudo a correr bem até que começaram a conversar sobre o facto de estarem um bocadinho gordinhas. Calculei que fosse do ar, já que nenhum delas admitia qualquer pecado alimentar... E não é que uma das amigas da minha mãe se lembrou de desafiar as outras para fazerem uma corrida na praia?

Meus amigos, que espectáculo! Cada vez que eu me lembro da graciosidade daquelas mulheres a correrem praia fora, com aqueles seios enormes a pularem que nem doidos, os miúdos a fugirem porque aquilo já não pareciam seios, antes armas de arremesso.... Um seio daqueles a bater na cabeça de um miúdo dava traumatismo craneano na certa... Aquilo era mesmo uma cena tirada do "Marés Vivas", mas versão Borat...

Foi nesta altura que eu percebi bem o dilema de S. Pedro quando negou Jesus por três vezes. Isto porque quando um rapaz brincalhão me perguntou qual delas era a minha mãe eu respondi que era órfão e que estava ali apenas como funcionário de uma casa de repouso...

Quando cheguei a casa tive de conversar a sério com a minha mãe:

- Ouve lá, não achas que já tens idade para teres cuidado com as figuras que fazes na praia?
- Ouve lá, não achas que já tens idade para ser menos quadrado?
- Desculpa, mas eu achei aquilo dantesco. Por isso, mãe, ficas de castigo e não vês as telenovelas....
- Ai estou de castigo? Então olha, vou para o meu quarto de castigo e fazes tu o jantar... E aproveita para passar a ferro que está ali um montão de roupa...

Quando a minha mãe vem com chantagens, eu tenho de ser muito duro:
- Ok, mãe, desta vez escapas, mas vê lá se não se repete...

38 comentários:

Pax disse...

Pois eu acho que a tua mãe tem toda a razão!
Porque é que as senhoras não poderiam correr na praia?!
Abaixo o preconceito do peso ou da idade!
Ehehe, eu preferia mil vezes ser redonda que ser quadrada ;)

Ah, e tens razão: conseguiste escrever um texto sobre mamas em que muito dificilmente alguém lhe conseguirá encontrar algum tipo de carga erótica... aliás, é bem capaz de a retirar toda a quem cá vier ler com alguma espectativa...
;)

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva pax

Eu assumo o risco de desiludir muita gente com esta conversa sobre seios... rs...

Tu falas assim porque não viste o espectáculo que foi... Cruzes... A fronteira entre ser prá-frentex e ridículo é, por vezes, muito ténue... rs...

Beijinhos

Leo disse...

aaaaaaaaaaaahhhhhhh!!!

.....esta cena faz-me lembrar um filme, daqueles, dos anos 70´- 80´ sobre " tetonas avantajadas"....mas isso sou eu a divagar....como sempre...

D.Antónia Ferreirinha disse...

Ahahah.
Se a tua mãe ler isto, volta a por-te castigo, não tenhas dúvidas.
Beijinhos.

Patrícia Villar disse...

Parte séria: Nenhum acto que nos proporcione um momento de felicidade pode ser ridículo ou criticável.

Parte menos séria: Oh Jorginho, já pensaste no como ela se sentiu bem a correr na praia com as amigas, tipo...Pamela Anderson?!?!?!

PS: Sim, hoje tou um pouco "zen", vejo passarinhos por todo o lado.

Obrigada e Beijinhos

Pax disse...

Espectáculo, espectáculo deve ter sido a tua cara ao ver a cena ;)

Eu concordo com a Patrícia, nada que possa ter proporcionado um momento de felicidade pode ser ridiculo. A tua mãe e as amigas divertiram-se e é isso que importa. Quem viu e não gostou, olhasse para o outro lado! Mainada!

Era bonito agora se as pessoas "avantajadas" não pudessem correr em locais publicos! Desde que não caiam em cima de ninguém, só fazem é bem!
Aposto que ainda hoje a tua mãe se ri quando fala com as amigas sobre essa corrida :)
Queres algo mais saudável que uma boa gargalhada?

Beijos redondos ou (se preferires) quadrados :):):)

Moon_T disse...

Caro Jorge,

por acaso depois de 2anos sem por os pés na praia, este ano, já vou no segundo escaldao!!:)

quero desde já agradecer a tua "partilha familiar" embora nao saiba como irá ser a minha vida depois deste dia... creio que nunca mais irá ser o mesmo depois de me obrigares a imaginar tres quinquagenárias a correr em fato de banho pela praia fora (tendo, claro, posto um efeito especial mental sendo que imaginei tudo em camara lenta com a banda sonora do Baywatch...) masoquista eu? provavelmente.

Mas nao vejo mal nenhum nessas senhoras quererem fazer agora um joggingzito pela praia, ao menos divertem-se sei la. nem sei o que dizer em relaçao a isso, desde que nao me ponham a mim a correr com elas. odiaria ficar mal visto ao lado de uma sra de cinquenta primaveras...

adorei ler o facto da tua propria mae te chamar quadrado. revela que ela ainda é uma jovem , enquanto que tu... nunca te imaginei como uma pessoa que fosse criticar tal coisa... foi uma surpresa. Ainda bem que pelo menos demnstraste ter pulso firme nas situaçoes maos agressivas no seio familiar...

(brincadeira;))




obrigado

Canuca disse...

Isso de e n pôr os pés na praia é que é incompreensível lol.

Não sei se me sinto muito confortável a falar das mamocas da tua mãe, mas lol acho que ela fez muito bem, já vi coisas piores na praia lol.

E fiquei contente de saber que és um homem de pulso em situações complicadas lolol ;).

Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Leo

Percebo o que queres dizer... rs... De resto, divaga, homem, divaga... rs...

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva D. Antónia

Ela não precisa de ler porque estou sempre a lembrar-lhe esse brilhante episódio e ela é a primeira a rir-se...

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Patrícia

Aproveita esse momento zen e fico a torcer para que nenhum desses passarinhos seja um pombo... rs...

A minha mãe, hoje, é a primeira a rir-se das figuras que fez... rs...

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olha, PAX, vindo de ti até podem ser beijos octogonais, pentagonais e outros que tais... rs... desde que sejam dados com amizade e carinho...

De facto, a minha cara de aflição deve ter sido bonita de se ver, deve... rs...

E, tens razão, quando elas se juntam ainda se riem que nem perdidas dessa maravilhosa cena "marés vivas". A própria Pamela Anderson ficaria cheia de inveja... rs...

E com razão, já que principalmente a minha mãe é muito mais bonita do que ela.

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande moon_t

Como tu me percebes. De facto, só consigo imaginar uma quadro pior, que era ter sido obrigado a correr ao lado delas. Sempre a olhar para o lado, não fosse um daqueles seis bater-me na boca e arrancar-me três dentes... rs...

Eu próprio fiz alguma auto-censura em relação à minha reacção. Que raio, elas divertiram-se que nem umas perdidas e por momentos devem ter-se sentido três miúdas de novo...

É pá, mas tu conseguiste bem apanhar a cena... Peço apenas desculpas pelos maus tratos que provoquei na tua imaginação... rs...

Aquele abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva CANUCA

Estás à vontade para falar das mamocas da minha mãe. Eu próprio o fiz e em termos tais que sou insuspeito de ser acusado de complexo de Édipo... rs...

Às vezes dou por mim a pensar se a minha reacção não foi inveja ou despeito. É que eu pensava que fazer figurinhas na rua era um privilégio só meu... rs...

Beijinhos

Sexo & Fetiches disse...

Sempre podias ter pegado numa camerâ e responderes a quem te perguntava o que era aquilo?!...

Isto é para os apanhados! Ehehe

Beijos & Abraços

CASAL TUGA

Pax disse...

"E com razão, já que principalmente a minha mãe é muito mais bonita do que ela."

Pronto. Finalmente lembraste-te de que a tua mãe ainda poderia ler isto.
;)
Beijos polilobados :)

F R E Y J A disse...

Bem não sei se gargalho mais a ler os posts ou se a ler os comentários!

Fabulástico!


keep Up!

Jorge Pessoa e Silva disse...

Se eu tivesse a câmara à mão era para filmar acena e orbigar a minha mãe e as amigas a verem aquilo todos os dias... rs... E a cara das pessoas... rs..

Beijinho e abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs..

Certo PAX, nunca fiando... rs... Mãe é mãe e só de pensar do que eu já a fiz passar...rs...

Gosto da foram desse beijinho...rs...

Beijocas

Silvia F. disse...

Oh Jorge... epá, excelente este teu post! A.D.O.R.E.I do princípio ao fim. Humor inteligente e hiper divertido, fosga-se! Tu superas-te a cada dia que passa, rapaz!!
Imaginei a cena, lindo!! Hahahahahaha
Mas mais do que a cena a forma como a contas é soberba!

Sou tua fã!! Como fã que se preze podes passar o meu monte de roupa a ferro também! ;P

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva freyja, muito bem vinda

Ao contrário do teu blog, este é para ler de olhos bem abertos e esbolgalhados, tal o ritmo de non-senses que se vão escrevendo por aqui... rs...

Junta-te ao clube e ajuda a que este espaço seja ainda mais divertido e participado.

Sabes o que era fabulástico? Continuar a ter o privilégio da tua companhia

beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs..

Viva Sílvia, olha que eu passo a tua roupa a ferro... Mas tu é que sabes como é que gostas de andar vestida... rs...

Ao resto do teu comentário só tenho uma maneira de responder:

Beijoca nessa bochecha linda

Liliana disse...

hehe promessa cumprida!
Cá passei e encontrei um post sem qualquer carga erótica (antes pelo contrário diga-se...). É que imaginar senhoras na casa dos 50, redondinhas, com seios XXXL não é uma visão do paraíso...

O que vale é que colocas um pouco de humor em tudo rs rs

Ah, deixa-me ir... O montão de roupa da minha mãe chama-me para ser passadinho a ferro :P

Beijo*

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Liliana

Não te invejo a missão, de todas as tarefas domésticas é passar a ferro a que me faz mais confusão. Eu passar, passo, e acho que nem fica mal de todo. Mas uma peça de roupa que demora dois minutos, só ao fim de 20 é que está passada nas minhas mãos... rs...

Beijinhos

vita disse...

loooooool

É como sempre fantástico.;)

Querido pensa positivo, imagina-te numa praia de nudismo a fazer uma corridinha..estás a ver? e o berimbalde a dar a dar..essa coisa pequenina que tens aí pendurada?..pois bem, a tua mãe não fez figura ridicula.;P

E realmente o teu tom severo combina contigo, pena é que ao dizeres essas coisas concerteza destes umas gargalhadas pelo meio..;)

Beijooo olhito azul

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...

Viva Vita

Tu e o teu dom de me deixares corado... rs.. rs..

Haveria de ser bonito, haveria... O peduricalho a dar a dar... rs...

Por acaso nunca me lembrei disso. A próxima vez que for ao Meco vou experimentar... Espera aí, é melhor fazer numa praia da Tailândia, com os orientais seria menos estranho... rs...

Beijiiiiiiiiiiiinho

provocação disse...

Apanhado pela polícia no flagra???tschhhhh isso deve ter sido traumatizante :) mas sempre podias dizer: sabe, sr. agente eu estava de facto a ser violado, ainda bem que apareceu! Que tal? Se de toda a maneira fosses detido por gozar com a autoridade, deixa lá, as celas inspiram tórridos romances, com sorte calhavas numa recheada de ex-miss mundo detidas por tráfico de silicone...

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs..

Nada disso, provocação:

1 - Se dissesse que estava as ser violado, a minha companheira ainda ía presa, além de que teria de explicar como uma violadora conseguiu colocar-me um preservativo...

2 - Na prisão era mais fácil apanhar com homens grandes e de bigode, com ideias muito estranhas... rs...

Beijinhos

An Ambush of Ghosts disse...

Jorge, viva ! :)

O sonoro lá na barraca é :
The Cinematic Orchestra -
'To Build a Home' - Live At The Barbican

Saca que está disponivel.

Cumprimentos, e obrigada pela visita. :)

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva an ambush

É bom ver-te de volta a este espaço que, com o teu humor, também ajudaste a crescer.

Cumprimentos

Lis disse...

Jorge, cheirou a praia... loool

Este texto ficava mesmo bem com aquela musica das "Marés Vivas"

Léa disse...

Ora Jorginho, quando vieres ao Brasil, faço questão de levá-lo à praia.
Podes imaginar aquelas mulheres XXL usando fio dental e desfilando por todos os cantos sem preocupação nenhuma?
Morrerias de saudades da Dona Jorgita correndo na praia.

An Ambush of Ghosts disse...

Jorge,
Quem disse q estou de volta?
Nunca cheguei a sair ;)
Leio-te regularmente.

Tenho andado com pouco tempo para follow up de comentários.

Olha passa lá na barraca, já que gostaste deixo-te lá outra dos mesmos. Enjoy

Cumprimentos :)

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Lis

De facto, ficava... E o Borat na praia a correr ao lado delas...rs...

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs..

Mais uma razão para ir ao Brasil, Léa. Mas a que praia? Só de for em Santos, não?

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva an ambush

Fico mais satisfeito assim. É bom saber-te por perto. Já lá vou ao teu blog.

Cumprimentos

* Casal do Arrocha * disse...

Tadinha de sua mãe. Mas olha lá, que preconceito é esse contra as "cheinhas"? rs
Voltaremos ao teu blog, com certeza!
Muito bom!
Bjs.

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Casal do Arrocha, muito bem vindos

Ponto prévio: eu próprio sou um bocadinho redondinho, por isso, nada contra...rs... Pelo contrário.

Confesso que a única coisa que me faz confusão é mulheres de corpos perfeitos... Daquelas que a gente fica sempre a pensar que pode rebentar a qualquer momento, tipo balão, se espetarmos uma agulha...rs..

Os corpos das mulheres devem contar histórias. Devem ser sinuosos, devem dar vontade de percorrer com os dedos. (E com o resto, claro... rs...)

Mas três mulheres redondínhas com os seios aos pulos e a correr na praia é um espectáculo inolvidável.

Por último, mãe é mãe e será sempre linda...

Amigos, um muito obrigado pela visita, pela força que me dão. Beijinho e abraço, cá estarei para vos receber com amizade