quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Anúncios de prostituição

Ontem vocês perguntavam-se, tenho a certeza, "que raio fazia o Jorge nas páginas de anúncios de convívio do Correio da Manhã?"
Os que estão a responder "não temos nada a ver com isso, tu és crescidinho e deves saber o que fazes" estão enganados. É um facto que eu muitas vezes não sei o que faço, mas desde já digo que um humorista tem de saber um pouco de tudo para fazer humor... Eu próprio digo a alguém que me apanha a ver sites, digamos, alegóricos, que estou apenas a fazer investigação para escrever no blog, nada mais me motiva...

Os classificados de convívio publicados por mulheres, além de darem boa matéria de humor, deveriam ser estudados por especialistas, por revelarem muito sobre... os homens. Com a concorrência apertada, as mulheres que anunciam os seus serviços têm de cativar, oferecendo o que os homens procuram. E temos, então, vários tipos de homens, a avaliar pelos anúncios. Para não vos fustigar com um texto enorme, falo apenas sobre alguns tipos de homens:

Os salvadores da pátria
São os que têm a mania que o que é estrangeiro é bom. Brasileiras estão no topo da lista - acham que trepar soa melhor do que foder - mas as mulheres de leste também têm cotação em alta. Há muitos que também preferem as africanas. Muitos machos latinos devem achar que têm de defender a honra do cavalo lusitano e só escolhem mesmo as estrangeiras.

Os que comem com os olhos

Técnica muito usada nos anúncios é publicitar o tamanho dos seios. O recorde foi um peito tamanho 58!! Eu nunca escolheria este anúncio. Aquilo já não são seios, são martelos pneumáticos que se me acertassem na cabeça me deixavam em estado de coma... Há uma piada machista que diz que o cúmulo do desperdício é a parte dos seios que não cabe na boca... Um peito 58 é desperdício a mais...

Os gastronómicos
Se algumas mulheres defendem a especialização, prometendo o melhor oral, o melhor anal ou a melhor espanholada à face da terra, por exemplo, a tónica em tempos de crise começa a ser a polivalência. Encontrei uma mulher que garante fazer, passo a citar, «sete pratos». Aquilo já não é sexo, é um rodízio gastronómico.

Os naturalistas
Há homens que, acredito ser por razões ambientais, preferem tudo ao natural. E muitas mulheres oferecem tudo ao natural... Eu penso que o preservativo não é biodegradável, mas a natureza é capaz de não se chatear assim tanto com mais umas toneladas de borracha. Já o corpo humano é altamente biodegradável, especialmente se dentro de uma caixa de madeira e com sete palmos de terra por cima. Por isso, convinha rever este conceito de naturalismo. Há homens e mulheres que, definitivamente, me assustam por não terem noção do Sintoma de Inteligência Demasiado Alterada...

Os garanhões de mulher alheia
Há anúncios que colocam a tónica no estado civil da mulher.
Umas garantem que são casadas e que gostam de dar facadas no matrimónio. Há então homens que devem ficar doidos por colocar um par de cornos nos maridos e mostrar às mulheres o que andam a perder...
Outras afirmam-se divorciadas ou viúvas. Isso também deve mexer com a libido de alguns homens, disponíveis a colocar ponto final a tanta carência...

Os das profissões
Há mulheres que fazem questão de divulgar a sua profissão. A do post de ontem (ex-funcionária pública), não foi muito feliz, mas há enfermeiras (velha tara masculina) e professoras com fartura... Até executivas...

Os estreantes
Técnica muito utilizada é sublinhar que é a primeira vez que alguém está no ramo. Ou recém chegada a um local. O que revela uma tendência masculina muito ligada aos cães: importante é ser o primeiro a alçar a perna para marcar terreno...


E o preço?
Curioso é que o preço nunca é mencionado em euros. A maioria fixa a tabela em rosas. Depois, na hora de pagar, não se admirem se lhes aparecer um indiano à frente a perguntar "qué frô"?

50 comentários:

son!a disse...

Jorge

Nada como um bom trabalho de pesquisa!!

;)

Cris... disse...

Que engraçado...em Espanha a espanholada tem outro nome, também de outra nacionalidade...
Será que há algum pais que chame a isso uma portugaçada???
ahahahaha

PS:e porquê é que ninguém quer o mérito da autoria e dá sempre a outro povo? hein? pergunto-me eu...

Patrícia Villar disse...

Jorge, para variar excelente! Até pelas mensagens sérias que consegues sempre passar.

PS: Não sabia dessa de alguns homens terem fetiches por divorciadas, aliás, nunca dei por isso...rs..rs..rs...ah, é por ter o funcionária pública escrito na testa...rs..rs..rs.

Beijinhos e obrigada

Tretoso Mor disse...

Jorginho,

Eu, se fosse a elas, começava a publicitar o pagamento por multibanco ou cartão de crédito, caso contrário, com a falta de dinheiro nas gasolineiras, dentro em breve teremos notícias de assaltos a casas/lares de prostituição!...

Um gandabraço

Liliana disse...

Olá Jorginho!
Essas férias?

A propósito dos indianos... sabes porque é que as indianas têm uma pinta na testa?

(Antes de passar à explicação devo dizer ninguém se deve sentir ofendido!)

Porque como as indianas são todas iguais, os indianos distinguem-nas assim. Como? A ti, já te dei frô? Pega lá uma pinta na testa!

Beijo! Até à próxima parvoíce! ;)

Leo disse...

Essa edesculpa é a que eu uso cá em casa ... passo a vida a pesquisar ..não me tenho dado mal ...
ao natural, gosto muito de morangos ...
.... o que está a dar são as universitárias ... há para todos os gostos ....
... licenciaturas, mestrados, doutoramentos...

Bah! Divagações! ... já me conheces ...

Abraço

Canuca disse...

Eu “tou” com o Leo lol...os anúncios mais engraçados que tenho lido, mais em sites de sexo que em jornais, são os das universitárias, licenciadas, etc..., qualquer coisa que envolva um canudo lol...isto tudo n teria piada nenhuma lol se os anúncios das meninas n estivessem cheios de erros de ortografia lol...mintam, mas mintam com alguma credibilidade lol.
Agora visitar sites de conteúdo duvidoso chama-se pesquisa lol hummm "tou" a ver lol ;)… comigo essa desculpa n funcionava, porque eu visito os mesmos sites lol.

Beijos

paulalee disse...

Óptimo, Jorge, excelente post!

Este é um assunto do qual tenho falado desde sempre no meu blog: práticas sem preservativo. Pode uma coisa dessas? Mas é algo abundante nos anúncios, e se há oferta é porque há procura.

Quanto às rosas... é algo que acho romântico, até. Mas a razão para usar essa palavra não é esta - o romantismo - não. Pelo que andei pesquisando com mulheres que começaram lá atrás, há mesmo muitos anos, a razão vem desde quando a prostituição foi proibida. Elas tinham que se virar de alguma forma, se publicitar de alguma forma, e sem que soubessem que estavam na actividade. Hoje, apesar de não ser proibida, se mantém o anúncio dessa forma - rosas, pétalas, orquídeas - por uma questão de discrição. Tipo, para não ficar explícito que está comercializando algo. Bem, é apenas uma das hipocrisias da nossa sociedade, afinal todo mundo sabe do que se trata um anúncio, eu só não posso é explicar com todas as letras, risos. Uma vez fui censurada num anúncio, me ligaram do jornal dizendo que não podia colocar uma palavra. Tipo, eu não posso dar a entender que cobro, apesar de todo mundo saber que sim.

Sobre o peito... Sempre achei complicado falar sobre o tamanho do peito. Eu sempre achei que tinha peito 38 e todo mundo diz que tenho no mínimo 40. Quer dizer... eu podia ter sido esperta e dito logo que tinha 40, mas eu, na minha cabeça, não tenho. Eu acho bonito mulher com peito grande sim, e queria ter um igual, risos, risos. Tem homem que me chama de Fafá - Fafá de Belem - aí eu começo a rir, porque eu bem que queria ter um peito do tamanho do dela, risos. É o que eu fico explicando para as pessoas: é que tem época que ele está mais murchinho, e em outras épocas que estou com peitão. Pois é, sou uma pessoa brochante, risos, nem sei como consigo ter pessoas que venham ter comigo sendo assim tão directa e contando que tem época que o meu peito fica mais "murchinho", risos, risos, risos.

Ah, esqueci de contar... Além de princesinhas, sabe o que tinha mais no anúncio lá da casa onde a M. estava trabalhando? Irresistíveis. Olha, essa palavra é de mais, risos, a gente se escangalhou de rir. Porque tipo assim... para quem é de fora, pode até imaginar que somos mulheres fatais, essas coisas. Mas nós, ou pelo menos a maioria de nós, não nos vemos assim não, risos. Tipo, somos garotas normais, a maioria.

Mas claro, é preciso "cativar". Conheço muita menina, dentro da actividade, que tem o ego lá nas alturas. Ela não se cansa de dizer o quanto é linda, o quanto é gostosa, o quanto é maravilhosa, o quanto é espectacular... Entre nós, que estamos inseridas na actividade, quando vemos isso até pensamos: poxa, essa garota deve ser muito melhor que nós. Aí de repente você conhece a garota e vê que ela nem tem nada de muito especial assim, se calhar você é até muito mais tudo aquilo que ela falou do que ela. Aliás, tem anúncio que parece puro deboche, mas muitas vezes não é, a questão é que a menina pensa isso tudo sobre ela, risos.

Eu tive um cliente por exemplo que ia toda semana no puteiro. Juro que quando eu o via lá me perguntava: meu filho, o que é que você está fazendo aqui, a sua mulher é linda!? Linda mesmo a mulher dele, eu tinha o maior tesão por ela. Eu ficava torcendo para que um dia ele levasse a mulher dele lá para um ménage, mas afinal ele era do tipo que achava que só ele tinha direito aos prazeres, e que o lugar da mulher era em casa, bordando...

Mas aí está outra coisa... Por vezes se pensa que o que o homem busca é a beleza, ou algo "irresistível", quando na verdade ele busca por outra coisa. Conheci na noite muita mulher feia, não gosto de chamar alguém de feio, mas tenho que dizer, era mesmo feia, aquele tipo que parece que São Jorge andou fazendo faxina na Lua e mandando dragão aqui para a Terra. Mas olha, apesar de serem muito feias, tinha homem que não trocava aquelas mulheres por nenhuma outra. Tem que ter borogodó, risos.

Eu também prefiro a palavra trepar do que foder, risos, risos. Foder pode ter aquele outra conotação, de querer que o outro se ferre. (E levando a palavra para a maldade, não é todo homem que quer ser ferrado, apenas 19%...) E uma trepadinha me parece algo muito mais selvagem do que uma fodinha.

Sobre os garanhões da mulher alheia, me lembrei de um anúncio de uma menina que com certeza deve ter feito muito sucesso: ex-namorada de jogador da selecção. Bom, isso enche o ego de boa parte dos homens, comer a mulher que já deu para algum jogador. Mas bem, isso é relativo... Lá na minha terrinha, ou seja, na terra onde nasci, um lugar tão pequeno que é praticamente uma aldeia, tinha uma equipa de futebol. E obviamente há uma selecção para as pessoas poderem entrar na equipa lá "da aldeia". Ou seja, eu podia também me divulgar assim, afinal ser jogador da selecção não quer dizer que seja da selecção nacional, risos.

Você só não falou de uma coisa nesse post - ou então não tinha o anúncio no dia que você viu -: os anúncios "plano-família", aquele em que se oferece mãe e filha, mãe e sobrinha, etc.

Beijo enorme para ti.

paulalee disse...

Ah, esqueci de comentar algo, diz respeito ao comentário do Tretoso.

Assaltos a casas de prostituição já há, inclusive grupos organizados que nos visitam como clientes para nos assaltar.

Todo mundo acha que a gente está nadando em dinheiro, e que estamos na actividade não por necessidades sérias. Acham que, se formos roubadas hoje, não fará diferença, afinal amanhã é só alugar o corpinho de novo. Como se não fizesse diferença.

Só em Lisboa, pelo que sei, há dois grupos. E sei que há um grupo que viaja o país inteiro, começa lá em Viseu e Guarda e depois vão para outras cidades, cada dia assaltam num lugar.

A questão é que, como boa parte das meninas está ilegal, para eles isso é lucro porque raramente chamarão a polícia.

(Quer dizer, como se chamar a polícia resolvesse alguma coisa... Ano passado fui assaltada e agredida quando saía do banho, tinha nódoas roxas pelo corpo todo, e quando chamei a polícia, a única coisa que o policial estava mais interessado em saber era se eu tinha dinheiro para pagar o chaveiro. Os bombeiros estavam indisponíveis, e o ladrão saiu levando a minha chave que estava pendurada na porta - ele entrou pela janela do terceiro andar - logo, quando chamei a polícia, o policial chegou e foi quando eu percebi que estava trancada. Tinha acabado de ser agredida, ele tentou me estrangular várias vezes, estava cheia de dores físicas e perturbada psicologicamente com o episódio que acabava de acontecer, e afinal, quando o policial chega, a única coisa que lhe preocupa é saber se tenho dinheiro para o chaveiro. Eu não sabia, não tinha noção, nessa altura nem sabia que tinha sido roubada, afinal eu fui pega completamente de surpresa, ele me pegou por trás quando eu estava na casa de banho, enrolando a toalha no corpo, já me colocando uma fronha na cabeça, ou seja, eu fui agredida mas não vi nada, não vi ele me roubar, não sabia que tinha sido roubada. Mas claro, o policial ali insistindo que tinha que pagar o chaveiro, eu ali procurando a bolsa, completamente sem noção de tudo, sem saber onde estava a minha bolsa, sem saber se tinha bolsa, etc. Afinal tinha um dinheiro que sobrou do mercado, estava na sala esse dinheiro, aí eu falei para o policial que sim, tinha o suficiente para o chaveiro. Mas eu pensando aqui comigo: e se o ladrão tivesse roubado tudo e eu não tivesse mesmo dinheiro para o chaveiro naquela hora? Como é que ia fazer, o policial ia me deixar trancada lá dentro, descabelada e cheia de nódoas roxas pelo corpo? O chaveiro veio, trocou a fechadura, o policial entrou, mas não adiantou nada. Me fez umas perguntinhas, e foi logo me dizendo que, como eu não podia dar um nome, eles não podiam sair procurando por essa pessoa...)

Quanto à questão do multibanco, pode não ser do conhecimento de todos, mas em alguns casos já há essa opção sim. Eu por exemplo só não aceito cheque porque pode não ter fundo, risos. Mas já aceitei cartão de crédito e em alguns casos até peço um adiantamento antes do encontro.

A questão é que, até com o dinheiro, é necessário ter cuidado. Há grupos, por exemplo, que trabalham com dinheiro falso. Onde é que eles vão espalhar esse dinheiro? Adivinham?? O homem vai num apartamento de convívio comum, por exemplo. Dá uma foda, paga 30 com um nota de 100, falsa, e ainda leva 70 limpinhos para casa. Ou seja, a menina é roubada duas vezes, roubada no atendimento que fez e que não foi pago e no dinheiro que ela deu para o passador de notas falsas como "troco".

Por isso que muitas, por exemplo, uma coisa que não dão é troco, inclusive também porque não é bom ter dinheiro em casa, caso contrário pode ser roubada. Aquele valor excedente, para algumas, fica como "crédito" para o próximo encontro daquela pessoa, mas troco não dão.

Uma alternativa, nesse caso, é ter uma caneta para verificar as notas.

Infelizmente, não dá para suspeitar de alguém apenas pela cara. Da última vez que um homem tentou me passar uma nota falsa, ele tinha cara de confiável e era extremamente simpático. A sorte foi eu ter pedido antes a "lembrança". E veja só: eu só cismei de verificar a nota porque tive uma simples intuição naquela semana, nada mais do que isso, só intuição mesmo. Ele me jurou que também tinha sido enganado, mas acabou entregando o jogo quando fiz uma pequena pressão de perguntas, ou seja, descobri que era mesmo de propósito, e veja bem, era um homem com cara de confiável e com uma simpatia imensa.

D.Antónia Ferreirinha disse...

Que frô?
Que frô e euros. Não. Dá o corpo ao manifesto a custo zero, ahahah.
E o dinheiro fácil onde fica?
Ai amigo se eu soubesse o que sei hoje , pensava seriamente em ser curandeira ou o caraças.
Beijinhos.

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...

Viva Son!a

Face à elevadíssima qualidade intelectual das pessoas que lêm e comentam no meu blog, tenho de ser perfeccionista... rs...

Beijinho, espero que já tenhas dado conta de tudo o que tinhas para fazer... rs...

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs... rs... rs... rs...

Viva Cris, acreditas que eu mensionei a espanholada e pensei logo que irias protestar?... rs... rs... rs...

Agora, fiquei curioso: que nome dão em Espanha?... rs... rs...

Também eu gostava de saber quem se lembrou e porquê de baptizar essa interessante actividade sexual como espanholada... rs...

Eu conheço mais o melhor à espanhola... rs... de lamber os dedos... rs...

Beijocas

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs... rs... rs... rs..

Viva Patrícia, folgo em ver-te de cara sorridente outra vez... rs... rs... Acredito que acabou o meu castigo... rs... rs....


Não, Patrícia, não tem nada a ver com seres funcionária pública. Mas tens de aceitar que mulheres bonitas, inteligentes e exigentes têm mais dificuldade em encontrar homens que as satisfaçam...

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande Leo


Gosto de conversar com gente que mostra estar bem informado... rs... De facto, universitárias há muitas... Os homens devem achar piada submetê-las a exame, mas esquecem-se que são elas que dão cartas... rs... rs...


Olha, a desculpa lá em casa não cola muito... Tens mais sorte do que eu... rs...

Aquele abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs... rs... rs...

Viva Canuca

De facto, essa fixação dos homens por canudo deveria ser estudado por psicólogos da linha freudiana... rs... rs...

Não sei se elas mentem assim tanto quanto isso. Acho que os homens, que exageram escandalosamente no tamanho do pénis e nas competências sexuais, não se podem queixar... rs...

Uma vez que não te consigo enganar (nem a ninguém, eu acho... rs...) vamos ficar no meio termo: vejo os sites por razões de pesquiza para o blog e por lazer... rs... rs...

Beijinhos grandes

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande tretoso mor

Estás a brincar mas nem sabes a frequência com que isso acontece... Com a agravante de as prostitutas acharem que estão indefesas, não se quererem assumir e, por isso, não fazem queixa. Depois, por multibanco a maior parte dos homens cortavam-se, para não deixar rasto... rs...

Não é fácil, amigo, não é fácil... rs...

Aquele abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...rs...

Viva Liliana

Volta sempre, amiga, de preferência com algumas parvoíces... Só para não destoares muito de mim... rs... rs...

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva D. Antónia

Estás a brincar? Eu sei que és mal paga e deve fazer-te uma confusão dares tanto de ti e receberes tão parco reconhecimento financeiro. Mas, pelo que sei, tens das mais bonitas e importantes missões do mundo. O que tu podes fazer é fantástico, mesmo que, por vezes, te pareça que estás a pregar no deserto...

Vê o meu caso: se eu não fosse jornalista, teria adorado ser professor.

Beijinhos, amiga

Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olá, Paulinha

Linda, não consigo responder ao seu comentário de forma curta. É um post, dentro do meu post. Eu sempre defendi esta parceria: eu escrevo o que me vem à cabeça, você vem a seguir e confere credibilidade ao post com os seus comentários.... rs...

Olha que as rosas também têm espinhos, não é? rs...

O peito é como o pénis: o que interessa é a habilidade... rs... rs... Mas olhe que, pelo que me conta, não se pode queixar... rs...

EÉspero que o ex-namorado da menina do anúncio não fosse guarda-redes: é que elas agarram, mas depois chutam para bem longe... rs...

No mais, linda, apenas aconselho a leitura. Com calma. Incluindo a parte da brital agressão de que foi alvo, cruzes, nem gosto de lembrar.

Beijinhos enormes

vita disse...

É os tais anuncios deixam adivinhar as senhoras, se são cheios de erros e todas (ou quase) licenciadas, quer-me parecer que a grande maioria é desdentada e usa peruca.;P

Beijo Olhito azul e boas "pesquisas"..loool

Cris... disse...

Não que eu perceba muito de sexo...se bem que já ouvi uma vez falar e até fiquei curiosa.
Lol
Em Espanha isso que aqui se chama "espanholada" chama-se "cubana".
Ouvi dizer, é claro.

PS: ainda não me adicionaste no MSN, e estou a um cadinho assim de amuar e não te levar o bolo.

Léa disse...

Aqui no Brasil também se chama espanhola...rs
Lendo o post da Paula Lee, uma coisa me passou pela cabeça.
Essa mulher que usa manequim 58, dificilmente seria assaltada. Pelo menos se eu fosse o ladrão não teria coragem.
Um golpe e ele poderia ir a nocaute.

Beijinhos!

Obs.: Eu tenho um e-mail seu, mas não sei se mudou, pois uma vez eu escrevi e você não o recebeu. Mando no e-mail do msn?

Moon_T disse...

caro Jorge,
li e reli o post mas ainda nao tive tempo para redigir um comentario.
ja passei os olhos nos comentarios e acho que ja foi tanto dito, ainda mais por alguem que sabe do que fala.

mais daqui a pouco volto para ver se sai alguma coisa...

até já

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs..

Cris, linda, eu também só sei de sexo pelo que vou pesquisando... rs... rs...

E em cuba, como se chamará? rs... Olha que eu acho que uma cubanada ficava melhor no sexo oral, já que eu penso em Cuba e vem-me logo à memória os... charutos... rs...

Beijocas

PS - Mas eu recebi algum convite para o MSN? Amiga, eu sou um bocado nabo com isso, mas para isso não é preciso um endereço hotmail? Eu só sei o teu gmail que vem no teu perfil. Também dá? Olha, o meu endereço hotmail é pessoa_silva@hotmail.com. Adicionas-me e apareces no meu messanger, é isso? Desculpa, sou mesmo um bocado atadinho... rs...

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs... rs...

Viva Vita

Há de tudo, Vita, há de tudo... Mas lá que sabem vender o produto, a maioria até sabe. Se bem que não é difícil convencer um homem para sexo... rs...

Vou pesquisando, sim senhor... rs...

Beijiiiinhos

Cris... disse...

Tu não és nada atadinho, eu é que te fiz convite para o mail que tens no perfil.
Opá, que queres, sei lá...a PDI...
PS: agora já tá.
Beijinhos.

Moon_T disse...

bem...
lendo o post e os comentarios, nao posso dizer muito mais.
Há opinioes que devem ficar para nós...sei lá.

olha passa lá no meu canto e lê "cinco da manha", talvez aches interessante.


ps.
ja te resolveste com o RSS?

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Léa... rs...

É o que eu acho... rs... Uns peitos daqueles intimida qualquer bandido... rs...

Pode também mandar para jorgeabola@gmail.com

Tudo bem consigo e com sua família?

Beijinhos

An Ambush of Ghosts disse...

Jorge,

Welcome back.

;)

Tretoso Mor disse...

Jorginho,

Gostaria de aproveitar para também me dirigir à Paulalee.

Sim, sei que são assaltadas casa de prostitituição e também sei que, por exemplo na Holanda - Amesterdão, já desde 1988, altura em que lá estive pela primeira vez, se pagava com multibanco ou cartão de crédito.

O comentário que fiz, não tinha a ver com a existência destes meios de pagamento nos locais referidos, mas com a publicidade do mesmo, para desviar a atenção dos assaltantes.

Realmente, pretendia chamar a atenção para as "notícias" sobre a inexistência de dinheiro nas gasolineiras...

Um gandabraço e tretices para vocês.

Leo disse...

Grande Jorge, só podias .... trabalhar no A Bola ...
... nessa instituição dos jornais desportivos!!! ...
.................Na Catedral!...... já és bispo ou cardeal?

Epá ... rendo-te pleitesia ... (não sei se é assim que se escreve) rsrsrsrsr

ps .... a dita cola em casa porque muito do meu trabalho é pesquisar .... então não acham nada estranho .... o pior são os meus "esquecimentos" ...

Abração

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande moon_t


Ter alguém que sabe do que fala, para mais uma grande amiga, acabou por dar maior dignidade ao meu post... rs...

Confesso que ainda não. E vim aqui responder na esperança de não ser catado pelo chefe, já que ainda tenho uma série de páginas para fechar... rs... rs...

Grande abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs... rs...

Cris, amiga, posso fazer-te uma pergunta meio embaraçosa para mim? Eu já vi escrito em vários lados a expressão PDI, mas, confesso, não sei o que significa... :-/

Já me adicionaste? E quando é que apareces no meu messenger?

Sábado e domingo vou estar pelo Bairro Alto a partir da tarde e até à noitinha.

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande tretoso mor

Não me leves a mal, digo-o com amizade e admiração, ler um comentário teu todo racional parece estranho... rs... Eu gosto das tuas tretices, dos teus desalinhos, das tuas pedradas no charco. Mas claro, há sempre momentos necessários de maior racionalidade... rs...

Grande abraço

Cris... disse...

ó Jorginho, a PDI é a forma mais curtinha de chamar à Puta Da Idade.

Se não sabias isso, é porque tu ainda não sofres dela!

PS: sim, já te adicionei, mas a mim não me apareces online. Mau!
PS2: sábado à noite estarei por lá, mas lá para tarde, tipo 23h e tal...sei lá, nas horas de borguitis!

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva an ambush, you are more than wellcome.

Posso contar-te um segredo, aproveitando que não está ninguém a ler? Eu sempre achei que eras mulher, apesar de, mesmo provocado por mim, me teres mantido na dúvida... rs... Mas há notas no humor que dá para perceber se é um homem ou mulher a escrever... rs...

Pronto, tinha de fazer este desabafo, com toda a amizade e admiração.

Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...rs...rs...rs..

Acho que não sofro não... rs... Eu é mais PDG, ou seja, puta da gulodice... rs... que me provoca estragos na PDC (puta da cintura)... rs...

Sábado, quando eu sair do trabalho eu passo por ti para te dar o beijinho. Como? Não te preocupes, eu encontro-te... rs... rs...

Acho que te encontro, já que às vezes não encontro as PDC (putas das chaves) à frente do PDN (Puta do nariz...) rs... rs..

Beijocas

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...

Grande Leo

Sou mais uma espécie de padre missionário, a correr mundo, onde sou preciso... rs... rs...


Pois, pois, os esquecimentos... rs...

Aquele abraço

Tretoso Mor disse...

jorginho,

eheheh, foi um momento de "parvoeira" que me deu, olha, às vezes também me acontece. :))

desculpa lá que desta vez, deixei-te a casa toda "penteadinha"..eheheh

Era só para responder ao comentário da Paula que foi dirigido e que achei também sério.

A partir de agora, prometo que não volto a pôr a marrafinha no cabelo. eheheh

Um gandabraço

Cris... disse...

Confio no teu GPS (isto é mesmo GPS, lol) para nos encontrares.
Estaremos por ai, bailando.
Sou a gaja com ar de estrangeira.
ehehehe

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande tretoso mor

Tu não leves a sério as bacoradas que eu digo, homem... rs... Mais penteado ou menos penteado, o importante é ter o meu amigo por aqui

Aquele abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Cris, vou andar nas ruelas do Bairro Alto de cartaz na mão, como nos aeroportos... rs... rs...

Vais com a Patrícia? É que se fores é igualmente difícil encontrar-vos... rs... rs...

Beijinhos

Cris... disse...

Sim, Jorgito.
Sou bem capaz de ir com ela, e ela comigo.
E é claro que nos conhecerás!
Ela é morena.
Eu também.
Ela é simpática.
Eu não.
Ela é gira.
Eu não.
Ela é tuga.
Eu não.
Tás a ver?
Fácil, pa!!!

Jorge Pessoa e Silva disse...

Cris, o que eu sei é que és uma grande mentirosa... rs... rs...

Olha, eu sou o gajo mais giro que te aparecer pela frente, com uns olhos azuis de morrer... rs... rs... (Estás a ver, eu também sei mentir bem... rs...)

Beijinhos

Cris... disse...

Eu não minto!!!
A Pati é muita gira!

De resto...com uma muito boa vontade, e um par de caipiras ou três, penso que me podes considerar engraçada.
Afinal, o álcool é o melhor embelezador que há!

Jorge Pessoa e Silva disse...

Cris

1.º Não está em causa a Pati ser gira

2.º Eu nunca consegui embebedar-me na vida, e acredita que tentei duas vezes, pelo que se estás à espera que beba para te achar gira podes esperar sentada... rs... rs...

3.º Já me esqueci o que tinha para dizer, mas tinha piada... rs...

4.º Lembrei: não era mais fácil estarmos a falar no msn?

Beijinhos

Cris... disse...

Jorge:
1. Eu nunca pus em causa que pussesses em causa a Pati ser gira (credo, que confusão)
2. Deixa estar, afinal somos amigos, vais gostar de mim mesmo que sem ser gira.
3. Tu tens graça sempre!
4. Era, se me adicionasses, campeão!

ahahahahaha

Carloressu disse...

Pesquisar em sites "alégoricos". Claro! Apenas para pesquisa.

(Para quando um post acerca dos anúncios do género mas dirigidos ao sexo feminino?)

Jorge Pessoa e Silva disse...

Cris


Para mim tu és muito gira porque eu quero que sejas... Ponto final, neste aspecto eu é que sei... rs... As minhas amigas, as mulheres de quem gosto, serão sempre as mais giras do mundo.

Quanto ao ponto 4, acho que estamos conversados, não é? rs...

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

viva Carloressu

Boa pergunta, amigo. Há muitos menos anúncios de homens para mulheres... Para ser franco, a maioria dos anúncios de homens são para... homens!

Depois, é mais fácil bater nos homens, já que eu domino muito melhor as nossas fragilidades... rs...

Grande abraço