domingo, 14 de setembro de 2008

Confrontos com polícia


Acabei de ver na televisão imagens de confrontos no Peru, entre polícia e agricultores. E enquanto a maioria mandava pedras à polícia, pareceu-me ver um agricultor a atirar batatas. O que acho, sem dúvida, mais original.

Eu até acho que para que estes confrontos se tornem mais mediáticos (as televisões já estão cansadas de filmar sempre pedras a voar), os manifestantes deveriam tentar agredir a polícia com objectos que usem regularmente nas suas profissões.

Isso até levaria a que outras pessoas integrassem as fileiras da polícia, que nestes casos nunca recebe ajuda de ninguém. Tirando os confrontos com pianistas ou domadores de leões, noutros casos até eu poderia ajudar a polícia.

Por exemplo, mal veria chegar a hora de confrontos com pasteleiros. E ficava fulo da vida com os manifestantes se não me acertassem com uma bola com creme, um mil folhas ou um pastel de nata.

Além disso, conheço muito boa gente que se colocaria ao lado da polícia em confrontos com vitinicultores. Tinha piada, não tinha?

22 comentários:

Estranha pessoa esta disse...

Pastel de nata com canela s.f.f.

;)

Beijos

Jorge Pessoa e Silva disse...

rss..rs...

Tipo coktail de molotov, estranha pessoa esta... rs... desde que não me mandassem, a seguir, com a bica em cima... rs...

Beijinhos

Freyja disse...

Caríssimos,

Bom Dia.

JOrge que grande ideia, eu alinhava já nas armadas contra os pasteleiros. Desde que fosse doce, venha ele.

Agora contra enólogos e afins aí já não porque levava com as garrafas, a não ser que tivessem a delicadeza de borrifar a malta com um nectar daqueles deliciosos... isso já era outra história.

O que era mesmo mesmo porreiro, era haver uma revolução de multi milionários. Aí sim, eu estava na linha da frente!

Revolucionários Cumprimentos,

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva freyja

O problema dos multi-milionários é que são tão agarrados ao dinheiro que ainda atacavam com extractos bancários ou relatórios e contas das empresas...rs...

Quanto ao vitinicultores, o maior problema nem eram as garrafas. Imagina que eles atacavam com as próprias... pipas? rs.. rs...

Agora, contra pasteleitos, folgo em saber que tinha companhia do outro lado da barricada... rs...

Cuidado! Quase que eles falhavam um bolo de chocolate... rs...

Cumprimentos agitadores

Moon_T disse...

Caro Jorge,

nao nos esquecamos entao do policiamento aos jogos de futebol, ou petanca, sei la...
Há ainda os problemas das "casas de diversao nocturna".

no teu caso eles até agradeciam, mandar folhas de jornal às autoridades é sem duvida algo deveras agressivo...hehehe
espero que nao tenhas um part time a fabricar bigornas ou a minha piada sem piada perde toda a logica

Pax disse...

Como diria o outro...

-O que tu queres sei eu!

(Algo do tipo luta de lama mas em mousse de chocolate... ;)

Beijos :)

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs..

Grande moon_t

Mas tenho o hobbie de tocar piano, serve? rs... rs...

Aquele abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs....rs..


Viva Pax

Ora aí está algo de genial... Luta de lama mas em mousse de chocolate... rs... O único problema é que nem ia reparar no adversário e apenas me concentrava na lama, perdão, na mousse de chocolate... rs...

Beijocas

Pax disse...

Perdia quem passasse mais tempo com a boca dentro da lam... mousse!

;)

Jorge Pessoa e Silva disse...

Pax, era a derrota mais saborosa da minha vida...rs...

Beijinhos

Pax disse...

Ninguém iria querer ganhar, lol

Beijos :)

Jorge Pessoa e Silva disse...

além de que ficávamos tão empanturrados que ninguém estava em condições de lutar contra quem quer que seja... rs...


Beijocas, Pax

Pax disse...

No dia seguinte continuava-se...

;)

Carloressu disse...

Dava sem dúvida um novo animo às manifestações. Até eu ponderava, e quem sabe tornava-me num reaccionário.

Jorge Pessoa e Silva disse...

A lutar ou a comer mousse? rs... rs...

Beijos, Pax

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Carloressu

Já somos dois, caríssimo...rs...

Abraço

Estranha pessoa esta disse...

Vim só numa de 'codrelhar' as conversas :P Adoro vir aqui ao fim do dia 'cuscar' o tasco.

;)

Beijos Serranos.

blueminerva disse...

Imagina lá uma manifestação dos artesãos das Caldas da Rainha. Tanto falo de louça pelo ar. Eu ponha o Paulo Portas do outro lado da barricada de boca aberta.

beijocas querido

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olha, estranha pessoa esta, agora fiquei com um sorriso de orelha a orelha... (o que torna a minha cara meio aparvalhada, mas feliz... rs... rs...)

O teu comentário trás-me à ideia algo que nunca tinha dito: eu gosto que, aqui, as pessoas se sintam em casa. E as pessoas de quem eu gosto que entrem sem ter de avisar, que se sirvam sem ter de pedir licença, que passem momentos agradáveis sem terem de se preocupar com o que quer que seja.

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...rs....rs...r.s...r.s...rs..


Viva Blueminerva

Sabes que eu era para responder que não era boa escolha as pessoas que poderiam gostar de levar com eles, mas os meus advogados aconselharam-me a evitar comentários passíveis de processo judicial... rs... rs..

Mas que seria bonito de se ver, lá isso seria... rs... Mas eu colocaria lá mais umas figurinhas... rs...

Beijinhos, Pérola do Atlântico

vita disse...

Pois era sou mais apreciadora de luta corporal..;P

Beijo querido

Pax disse...

A comer mou... a lutar, claro! Nao era esse o objectivo?

;)