sexta-feira, 30 de maio de 2008

Está na moda o ISP



Eis um anúncio que provocou as mais díspares reacções. Na blogosfera li comentários de quem achava indecoroso os jogadores irem refastelados nas cadeiras do autocarro e o povão a empurrar; outros defenderam o anúncio, falando da mensagem subliminar de apoio à Selecção; houve até quem o achasse ousado.

1 - Sabendo nós que a Selecção não vai para a Suíça de autocarro, ousado ousado era fazerem um anúncio com aquele povo a empurrar... o avião. No ar e tudo.

2 - A única mensagem subliminar que eu vejo no anúncio é que o litro da gasolina está tão alto que nem há dinheiro para encher o depósito do autocarro. Nem para chegar a Espanha. Por isso, só mesmo ao empurrão.

3 - Qualquer dia, os nossos carros também só andam a "energia positiva", que sempre é mais barata do que a energia petrolífera. E quem deveria colocar um travão está-se a... libertar energia para tudo isto!

4 - A malta está a organizar-se para que não se compre gasolina na GALP, Repsol e BP nos próximos dias 1, 2 e 3 de Junho. Acho que é um protesto inútil. É só esperar por mais 157 aumentos nos próximos dois meses e ninguém mais colocará gasolina na GALP, Repsol e BP. E nas outras também não...

5 - O ministro das finanças referiu que, passo a citar, «seria indecoroso mexer artificialmente no preço da gasolina». Desde já lhe digo que indecoroso é o que tenho de pagar por ela. Pela minha e pela que Vossa Excelência gasta nos carros que têm mais cavalos do que os automóveis do meu bairro todos juntos. Depois, não precisa de intervir artificialmente, basta colocar na ordem as petrolíferas - é preciso algum estudo para provar cartelização????!!! - e baixar o ISP.

6 - Aliás, o imposto que anda de boca em boca é o ISP. Que, para os portugueses, deixou de ser o Imposto sobre os Produtos Petrolíferos e passou a significar Intolerável Subida do Preço.

6 comentários:

Anónimo disse...

Bom dia Jorge!
Eu cá sou dos que defendem que o preço dos combustíveis só é justo...De que outra maneira os "gravatinhas" trocavam de veículo todos os meses, hem? Estão a querer que se juntem ao "povão" nos transportes públicos, a cheirarem a sovaqueira do amigo ali mais próximo e tal, não? Isso é que era bonito! "Coco Chanel" e "Cheiro do Mato", não se combinam...Mais um pormenor lá para mais longe na cadeia petrolifera...Já tiveram a sorte ou o azar, de ver a riqueza estúpida de quem controla os poços da felicidade?
Pelo sim pelo não, neste fim-de-semana ninguém me apanha fora de casa. Vou fazer um projecto de um carro que funcione a bosta de cão!!O que não falta é matéria prima por aí e é só pisar na rua uns quantos cagalhões e voltar a correr até casa.
Bj
Luisa

Joana Dalila Santos disse...

Bom fim de semana

Jorge Pessoa e Silva disse...

... bosta de cão era bonito e matéria prima não faltava lá em casa, não é? Espera aí, não me dês ideias... Ainda ganhávamos uma pipa de massa. Quer dizer, ganhavas, mas, afinal, somos família, não somos?

Jorge Pessoa e Silva disse...

Para ti também, Joana

Jacinta Correia disse...

O anúncio só prova que quem se lixa é sempre o povo. Bj.

Jorge Pessoa e Silva disse...

"Mai nada", Jacinta