segunda-feira, 28 de julho de 2008

Atrevam-se, mulheres

Gostei do post da Vita sobre o facto das mulheres também terem tesão. Eu concordo com tudo o que ela escreveu, felizmente as mulheres também têm pensamentos "perversos", têm desejos, têm lascívia, adoram a luxúria como os homens. Acho que a questão está mais na forma como manifestam esse desejo.

A mim tinha-me dado algum jeito que as mulheres fossem mais atrevidas, manifestassem mais o seu desejo, porque eu sempre fui tão atadinho que quase tive de ser violado para perder a virgindade... De resto, como já uma vez comentei com a Vita, se eu vir uma mulher toda nua, de perna aberta e um cartaz a dizer come-me, eu sou bem capaz de perguntar onde está a comida...

Não perco a esperança de um dia passar por um edifício em obras e ouvir uma mulher, de fato macaco, a mandar-me piropos:

"Óh bom... Adoro o teu rabo TMN, é um autêntico mimo..."
"Ouve lá, não queres assar o teu chouriço nesta brasa?»
"Se fosses cavalinho de carrossel montava-te o dia inteiro..."

Ou estar a passear na rua, passar uma mulher ao volante do seu automóvel, abrir a janela e atirar:

«Queres emprestar-me a tua alavanca de velocidades? Levava-te da primeira à quinta em dez segundos..."

Ou passar por um quartel dos bombeiros e ouvir:

«Adorava descer pelo teu varão..."
«Emprestas-me a tua magueira para apagar um fogo?»

Eu acharia piada, mas eu também não sou muito certo...

38 comentários:

Moon_T disse...

Caro Jorge,
Mais uma vez temos formas diferentes de ver as situaçoes. Nao que nao concorde que as mulheres tambem tenham lascívia, nada disso.Aliás defendo que as mulheres até sintam bem mais que os homens nesse campo (as sortudas...)
Mas da mesma forma que simplesmente odeio os ditos piropos que os homens mandam às mulheres, nao iria gostar de os ouvir (embora já se oiça de ambas as partes). Obvio que nao considero um piropo um "elogio original". Nada como uma abordagem com um bom elogio de parte a parte para evidenciar os pensamentos "menos próprios", mas com inteligencia e originalidade, essas saídas de encher choriços...tssc tssc

quanto a essa imagem do quartel de bombeirAs... hehehe ....



obrigado

2cute4you disse...

Jorge...passa aqui na minha varanda que prometo uma piropo à maneira!!! Hihihihi...

Delfim peixoto disse...

Está girissimo
Abraço

Pax disse...

Claro que as mulheres têm tesão e vontade. Pode é, nem sempre, estar sintonizada com as dos homens. E nem sequer são obrigadas a estarem!

Olha, eu acho que esses piropos aos homens teriam o mesmo efeito que teriam nas mulheres:
Vontade de mandar dar uma curva! (Ou talvez não...:).
A parte que gosto mais dos piropos é das respostas que (algumas) conseguem dar.
Tipo "bendito pai que faz uma filha assim" e "se queres leva lá a tua mulher que o meu pai faz outra".
:)
Beijos.

Silvia F. disse...

Hehehehe
Era lindo, era! Mulheres a mandar piropos aos homens:
Oh gostosão! Levas aí qualquer coisa pregada no rabo e ou muito me engano ou acho que são os meus olhos...

Arghhhh!!

Beijo

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande moon_t

Eu acho que não temos formas diferentes de ver as coisas. Temos é formas diferentes de expor as coisas, já que neste espaço eu abdico da racionalidade dos meus argumentos.

Depois, cada caso é um caso. Veja-se o meu: eu sempre fui muito popular entre as mulheres. Sempre tive muitas amigas. Mas amigas mesmo. Só que quase todas me viam como uma espécie de irmão, de confidente. E eu adorava isso, registe-se. Mas na hora do bem bom, não com essas amigas, entenda-se, o "je" ficava sempre para último... Por isso, sim, teria gostado de ouvir uns piropos de quando em vez.

Com muitas mulheres não deve ser muito diferente. Aquelas que viram sempre as amigas serem muito pretendidas, bem lhes tinha sabido ouvir uns piropos de quando em vez. Mesmo os mais desastrados. Poderiam não gostar na hora, olhar para o homem e achar que não tinha ponta por onde se pegasse, mas teria feito bem ao ego.

Claro que eu prefiro um piropo inteligente, dissimulado. Uma provocação que não seja ostensiva e que revele alguma imaginação.

Mas um post meu, por norma, só admite racionalidade nos comentários. No mais, é mesmo de higiene mental que se trata.

E se alguém me quiser mandar um piropo, vai-me saber bem. Mas também estou a arriscar pouco, eu sei, porque as mulheres que costumam passar por aqui têm revelado uma inteligência e humor bem acima da média.

Aquele abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Tão linda, 2cute4you!!!

Olha para mim já vermelho que nem tomate...rs... (no meu caso nem é nada difícil).

Agora, vou andar a olhar para todas as varandas por onde passar...rs...

Beijinho e obrigado. Pensando bem, já atiraste o teu piropo...rs...

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva delfim peixoto

Gosto de te saber que estás por aqui, há algum tempo que não te lia. E peço desculpa por não te ter visitado ultimamente. A trabalhar 12 a 14 horas por dia e a abdicar de horas de sono para actualizar este blog não tem sido fácil.

Grande abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs...rs...

É verdade pax que a resposta ao piropo pode ser muito mais interessante do que o piropo em si.

O piropo dependerá sempre de quem o atira, de como o atira e de quem o recebe. Eu tenho a certeza que se ouvisse um piropo teu na rua haveria de achar muito engraçado...rs...

Já eu, sou tão atadinho que o piropo me haveria de sair muito mal...rs... Tipo engasgar-me a meio, trocar as palavras... Era bem capaz de chegar ao pé de alguém e em vez de fazer um pedido, fazer um... peido*...rs...rs...

Beijinhos, amiga

* Malta: a pax percebeu a piada, não se assustem os outros não há nada de ordinário nisto...

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva sílvia...

rs...rs...rs...rs...
Belo piropo, sim senhor... rs...

Beijinho

PS - Gosto muito da foto que escolhestes para o teu perfil, mas acho que os teus olhos tinham mais força que o sol e sorriso era mais misterioso que a paisagem que nos mostras...

Léa disse...

E tem aquele muito original que se ouve nas obras:

"É a norinha que mamãe pediu a Deus."

O pior é que acho tão horrível que me ponho a rir, e o cara acaba achando que eu gostei...rsrsrs

Pedro Correia ou Poeta Acácio disse...

haja esperança, meu caro! haja esperança! hehehehe
Eu gostava de ouvir era uma gaja em cima de um andaime a dizer:
«Oh borracho! Queres por cima? Ou queres por baixo?» hehehehehe

Haja esperança!

Um abraço meu caro

TENHO DITO

Cris... disse...

Eu por acaso ando muito perdida neste assunto, amigo Jorge.
Se bem tinha percebido que, com o andar dos anos, os homens iam gostando cada vez mais de mulheres "atrevidas", já constatei que quando eu tenho dado um passo em frente, às vezes, até o mais valente, me foge!!!
E juro que tomo banho e até me depilo os beiços!!!!

vita disse...

Oh amigo Jorginho anda cá que eu não te aleijo.;)

E como se lê no meu post, eu sou uma mulher com tesão e gosto!


Beijooooo Jorginho

Pax disse...

Jorge, eu também nunca fui muito praticante da arte do piropo e, como tudo na vida, a prática conta muito (e não só o jeito).
;)
Ehehe, para os mais distraidos, "peido" é um "pedido" em que faltou uma letritititinha apenas :)

Beijos:)

Casal Tuga disse...

As mulheres têm sempre mais facilidade de atingir o alvo com os seus piropos!
Que dizer... Nem todas! ;.)

Bjs & Abraços

blueminerva disse...

Eu piropos só o meu gajo... tipo "Vai uma queca mágica? Nós fodemos e depois desapareces".
beijocas

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Léa


Rir de um piropo é sempre uma solução, mas, de facto, o homem pode interpretar mal e sentir-se encorajado a abrir o livro dos piropos "inteligentes"...rs...

Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande, enorme Poeta Acácio


Quando a malta anda mais apertada pode ser por cima, por baixo, de lado, pela frente, por trás, de cócoras...rs...

Grande abarçao

Jorge Pessoa e Silva disse...

E não de esqueças, CRIS, tens um sorriso lindo.

Só encontro uma explicação: os homens ficam com medo. Os homens têm medo de perder o controlo. Porquê? Porque o controlo é que nos dá a errada ilusão de que temos poder sobre a mulher. Se o controlo passa para a mulher, o homem sabe que não consegue estar ao mesmo nível.

Claro que isto é tudo menos uma posição científica. Eu próprio há muito que percebi que a mulher é que é o sexo forte. Logo, se não consegues vencê-la... junta-te a ela...rs...

Beijinhos, amiga, fico sempre contente quando me visitas. Desculpa não conseguir retribuir como mereces

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Vita

E eu, que gosto muito de ti, gosto muito que tu gostes. E mais que sejas afirmativa e descomplexada. Mas sabes do que eu gosto mesmo? É dos teus beijinhos e de saber que estás bem.

Beijiiiiiinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

Pois é pax, eu prática também não tenho muita. Mas podemos sempre ensaiar em frente ao espelho. Não sei se resulta, mas sempre nos rimos um bocadinho, não é?

Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

Meu caro Miguel

As mulheres têm sempre muito mais facilidade em atingir os seus alvos, com ou sem piropos...rs...

Abraço e beijinho para a Sara

Jorge Pessoa e Silva disse...

...rs....rs....rs....rs....rs...


Grande blueminerva, olha que eu ia acordando os meus filhotes com a gargalhada...

Beijinho, Pérola do Atlântico

Filipa Sousa disse...

Lolol

Só tu Jorge...lol

Sabe sempre bem receber um piropo, afinal sempre nos levanta o ego, sentirmos que alguem de alguma maneira reparou em nós...rsrsrsrs

Bjinho

PS: Já tens resposta para mim, daquele assunto que te falei?

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Filipa

Pensas da mesma maneira do que eu. Um piropo por dia, nem sabem o bem que me fazia...rs...

Beijinho

PS - A revista tem mesmo um jornalista com aquele nome. Pelo menos a Vita também recebeu email e vai responder.

Pax disse...

Em frente ao espelho tem duas vantagens "de caras":
Tens feedback instantaneo e a resposta nunca é um estalo.
:)

Cris... disse...

Opá...até pode ser por isso, Jorge, mas a verdade é que, mesmo que lhe encontre uma explicação lógica, isso não me consola.
Porquê é que tenho a sensação cada vez mais de que realmente não percebo nadinha os homens, pa?
Já tentei até não ser atrevida e "à frente" (coisa esta difícil porque eu sou mesmo uma palhaça sem sentido do ridículo no que toca a dizer piadas e estar à vontade), e experimentar a pose de menina envergonhada e tal...lol
E nem uma nem a outra me têm dado grande resultado.
Concluindo, não preciso depilar mais o buço, nem arranjar as sobrancelhas nem gastar balúrdios em perfumes!!! Não me serve para nada!
Ao menos, tenho essa boa notícia!!
loooooool
PS: xiça! catano! o problema então está em mim!!! ahahahahah...qué dó!

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...rs...rs...rs...rs..

É verdade, pax, é verdade...


Beijinho...

rs...rs...rs....rs...

Jorge Pessoa e Silva disse...

Claro que o problema não está em ti, Cris... Se és bonita e divertida onde estaria o problema? Só nos homens comprometidos, ceguinhos ou sem sentido de humor! E nenhum destas três categorias haveria de te interessar. Portanto, pensa comigo, não se trata de saber o que se passa com os homens, trata-se de reconhecer que não é frequente aparecer um que realmente te interesse e corresponda aos teus elevados padrões de qualidade.

Agora, se aceitares o meu conselho, continua a tomar o teu banhinho, a fazeres o buço e a arranjar as sobrancelhas...rs...rs... Não é por nada, é só porque ficas mais bonita.

Beijiiinho amiga

Cris... disse...

Tão doido!!!
Obrigada pelo conselho...e pela gargalhada!
Mas é claro que o problema não está em mim.
A culpa é da crise do petróleo!!!
ahahahahahah
Beijão, amigo.

Jorge Pessoa e Silva disse...

Do petróleo, Cris? Não acho, porque tenho a ideia que não precisas de petróleo para chegares a um lugar e... pegares fogo... rs..

Ju disse...

Ó Jorge, tudo é tão relativo...
Tu já tentaste por em práticas essas frases?
Seria a desgraça total.
Ora analisa comigo:
"Se fosses cavalinho de carrossel montava-te o dia inteiro..."
- E ias à ruína com o que gastavas em Viagra.

"Ouve lá, não queres assar o teu chouriço nesta brasa?»
- Se cru é bom, assado será melhor. Esta aceito.

Levava-te da primeira à quinta em dez segundos..."
- Perda de tempo... 10 segundos! Antes coelho, que alavanca de velocidades...

«Emprestas-me a tua magueira para apagar um fogo?»
- Passavas o dia a m*jar. Mau... muito mau, podias ficar assado e tal... não!

«Adorava descer pelo teu varão..."
- Esta é até embaraçosa.
Não vou comentar... a não ser que tenhas uma costela africana, mas mesmo assim só com a costela não te safavas.

B.ju :)

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs...rs...rs...rs...rs..rs...rs..

De facto Ju, nem tentei estas, nem outras.... rs... Na fase em que ando (o puto já tem quatro meses, mas é um terrorista e consome todas as energias da mãe), já ficava feliz da vida com um "vai uma rapidinha?"...

E olha que se há coisa que eu não tenho, seguramente, é costela africana...rs... Eu é mais... asiática...rs...

No mais, tens razão, mas o ponto é que interessa: um piropo pode nem ser sempre feliz, mas não deixa de fazer bem ao ego...

Beijinho, amiga, já tinha saudades do teu bom humor

Cris... disse...

Tu tá calado que de fogo não se fala no verão!!!
ehehehe
PS: não...há que tempos que não me dedico à nobre arte do incendiar...hihihihi

Jorge Pessoa e Silva disse...

Com um sorriso desses, Cris? Não acredito que não pegues uns fogozinhos de quando em vez... rs...

Beijinhos

Cris... disse...

lol
Por acaso não me lembro bem...
lol

Jorge Pessoa e Silva disse...

Não sei porquê, Cris, acho que não acredito muito... rs...

Beijinhos