sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Poupar? Mas o quê?

Com o mundo louco por causa dos mercados, surgem agora os avisos à poupança e a bem gastar do dinheiro. Eu, interessado, li um conjunto de dicas publicadas num jornal de referência. Será que resulta?

1 - Não compre coisas de que não precisa...
Acho que não corro esse risco... Pois se já nem dinheiro há para o que preciso... Mas deixem-me pensar um pouco.... Ora bem... não comprar coisas de que não preciso... Governo conta?

2 - Estabeleça metas de poupança a curto prazo...
Isso também faço. Recebo sempre a 25 e começo logo a poupar que nem um louco para ver se o dinheiro chega a dia 26...

3 - Aplique o dinheiro das poupanças!
Mas quais poupanças???!!!!!! Eu bem sei o que é que aplicava e em quem...

4 - Mantenha um registo das despesas
Mas eu sou masoquista, ou quê? Se me ponho a fazer contas bem feitas, entro em depressão. O quadro já é tão negro e ainda temos de admitir despesas de última hora, como multas, médicos, estragos...

5 - Verifique o que pode cortar nas despesas...

Para ser sincero, só consigo cortar numa parte da despesa mensal: IRS... Pode ser? À cautela já estou a rever a minha lista de prioridades e cheguei à conclusão que dentro de pouco tempo não vou precisar de casa, de carro, de arroz e de pão...

6 - Faça um orçamento do mês...

Ele a dar-lhe e a burra a fugir... Volto a dizer: eu tenho cara de masoquista? Para orçamentos falhados já basta o do Governo, certo? Eu utilizo com o dinheiro uma táctica que um amigo diz usar quando conduz: vai tão depressa, mas tão depressa na estrada, que quando o acidente chegar ele já passou...

7 Não use cartão de crédito

Tranquilo, já ninguém me passa cartão...

52 comentários:

Léa disse...

Em épocas de crise, somos implacáveis em nossos julgamentos, uma vez que o desespero toma conta de todos.
Mas estava a dar uma olhadela nas notícias de hoje na internet, quando me deparei com o seguinte título de uma reportagem:

"Todos tem seus altos e baixos, até eu", desabafa dólar.

Ainda não li o seu depoimento, mas isto me sensibilizou por demais.
Vou procurar ser menos "ácida" nas minhas críticas. Mesmo porque o coitadinho não faz por mal.
Já a minha poupança é uma privilegiada, pois não passa por crise alguma. Ela já morreu.

P.B. disse...

Olá...

Pois é... Eu também gostava que as dicas fossem solução...
Mas é como dizes, é uma sorte se o dinheiro de um mês inteiro de trabalho chegar até ao dia seguinte...
Vai dando, esticado esticadinho...

Beijinhos

Canuca disse...

Jorginho...

Eu já cortei em tudo o que pude lol...próximo passo é deixar de comer lol e acho que um mês depois tenho o problema resolvido lolol ;).

Beijinhos

Patacuadas disse...

Eu juro que queria fazer poupanças, já recorri a várias instituições financeiras e em todas o resultado foi o mesmo:
cara de gozo e um amigo esse dinheiro não dá para pagar a comissão de utilização do tapete da entrada, que são uns miseros 5 cêntimos... triste vida a minha

Leo disse...

...a pedido de uma comentadora vou poupar nos pontos..
..."-Não compre coisas de que não precisaEstabeleça metas de poupança a curto prazoAplique o dinheiro das poupanças!Mantenha um registo das despesasVerifique o que pode cortar nas despesasFaça um orçamento do mêsNão use cartão de crédito-"...
....nãosemexa,nãorespire,nãoviva,deixeolugarlivre,desapareça,morra.Assimsimjáhálugarparaoutropouderpoupar...

Leo disse...

........abraços, sem poupar nada.......

Leo disse...

............e um bom fim de semana.................

José Faria disse...

Vamos poupar na luz. Deixar de ter portatil/desktop para poder ler blogues.

BTW, a energia gasta pelo nosso cérebro para poupar um bocadinho devia ser usada para uma central eléctrica... nunca ia faltar a luz!

=)

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Léa

Que descansem em paz as suas poupanças e esqueça a acidez dos seus comentários, até porque você só sabe ser doce...

Vale que não há crise na bolsa que tenha influência no tamanho do seu coração.

Beijinho, amiga

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olha, P.B., de tanto esticar, nem precisamos de fazer musculação... rs... rs... Vale que só depende de nós estipularmos o "preço" do nosso espírito na bolsa dos amigos...


Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs....rs..

Nem penses, Canuquinha, que a gente nunca deixaria...

Eu estou preocupado é de ter de cortar nos bolos... rs... Para já consegui uma folga de 150 euros no tabaco, vamos ver... Haja esperança... rs... rs..

Beijocas

blueminerva disse...

Pois eu querido Jorge, estou muitíssimo preocupada com a crise... vai daí no passado fim-de-semana estourei uns belos euros numa bela de uma bota. Linda de morrer. E como estamos em tempo de recessão, seja lá o que esta merda quer dizer, mas segundo os analistas económicos, o mais provável, era encontrar a mesma bota linda e maravilhosa ao dobro do preço no dia seguinte! E eu, posso ter inúmeros defeitos, mas burra não sou.

beijocas querido e bom fim-de-semana

Jorge Pessoa e Silva disse...

Patacuadas

Não lamentes a tua sorte, que tu não me pareces pessoa para te dar com qualquer um... Por isso és tão bem vindo aqui... É certo que aqui também tens de pagar comissão, mas sei que podes pagar: uma boa piada, um desabafo, uma pitada de sentido de humor e os juros podem ser tão altos como uma gargalhada


Abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Leo

Brilhante a tua conclusão:

....nãosemexa,nãorespire,nãoviva,deixeolugarlivre,desapareça

O que vale é que agente somos muito obedientes, não somos?

Jorge Pessoa e Silva disse...

Leo

Nos abraços não se poupa, nas gargalhadas também não. E nos beijinhos, para quem gostamos, nem se fala...

Camião de abraços

Jorge Pessoa e Silva disse...

Leo

Bom, fim-de-semana para ti também. Mas espero, se puderes, receber notícias tuas

Jorge Pessoa e Silva disse...

VIVA JOSÉ FARIA

Tui nem brinques, rapaz... E fala baixinho que alguém ainda terá a luminosa ideia de taxar os blogues consoante o número de visitas, ou de post ou do que quer que seja e que dê dinheiro...

Prezemos, como bem fazes, este espaço para a gente poder estar à vontade... Nem que seja para chatear o pedrinho... rs...

Grande abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Blueminerva


1. - Não é a bota que é linda de morrer... ela limita-se a não destoar

2. - Eu, muitas vezes, acho piada a tomar decisões económicas a contra-ciclo. Porque acho que os mecanismos de decisão económica e os manuais de comportamento estão errados ou são meramente artificiais. Só servem para umas dúzias de especialistas passarem metade do ano a prever coisas e a outra metade a explicar porque não aconteceram...

3 - Burra nunca foste.

4 - As botas ficam-te muito bem... São de bico? Sempre podem ser uma arma...

Márcio disse...

Já ninguém te passa cartão mas é em assuntos sérios, pois a brincar... upa upa! É sempre a somar...

Eu também acho uma piada a estes conselhos... quer dizer, depois de tudo estar na banca rota é que eles vêm dizer para fazer isto e aquilo?

Valha-mos pelo pelo o Rio Logo Existo para nos rirmos ao principio, meio ou final do dia...

Jorge Pessoa e Silva disse...

Enorme Márcio


Qualquer dia também vamos ter p+alastres de médicos para mortos, no cemitério, sobre os riscos do tabaco, pior exemplo... rs... rs... rs...

Quanto ao mais, por vergonha, nem comento. Apenas digo que é o maior...

Abração

Patacuadas disse...

Obrigado pela cnsideração caro Jorge

Acredita mesmo que a minha sorte é que as comissões paga aqui sã ode um bem, que felizmente ainda tenho em grandes quantidades.

Jorge Pessoa e Silva disse...

Patacuadas

Ser a malta se juntasse e pusesse a criatividade em bolsa... Deixa-me pensar nisso, a ver de amadureço a ideia... rs... rs...

Abraço

Pax disse...

Eu acho que a "aula de poupança" deveria começar por quem decide aconselhar os outros.
Tipo quando vão de visita a outros países, irem em voos regulares e ficarem instalados em hoteis "só" de 4 estrelas.
O exemplo seria importante.

O resto, tendo em consideração o tipo de poder de compra que nos deixam ter, é ridiculo.

Beijos :)

Patacuadas disse...

JOrge isto com a crise que anda acxho que muitas vezes na bolsa nem esse "produto" nos safava, mas pensa melhor na ideia, mas vá lá sem ficar podre, como o estado das nossas economias lol

Jorge Pessoa e Silva disse...

VIVA PAX

Eu confesso que a alegria que senti por te ver de novo aqui mal me deixou espaço para ler com atenção o que escreveste... rs.... rs... rs...

Mas tens toda a razão do mundo... rs...

Beijiiiiinhos...

Jorge Pessoa e Silva disse...

Patacuadas


O ar começa a ficar tão irrespirável, que rir começa a ser a nossa única bomba de oxigénio. Por isso, há quie pensar em colocar a gargalhada na bolsa...

Abraço

Lis disse...

olá!!

Pois é Jorge... tenho andado caladinha...

Tou numa fase muito má... digamos que a meio do poço...

mas pronto é só pa dizer que ainda por aqui ando a espreitar, mas não tenho tido "vontade" de escrever-te!

Quanto a poupar... pois eu não tenho mesmo nada para poupar... por este andar nem reforma consigo...

Nem continuo se não também ficas deprimido!

beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Lis

Não digas que andas numa fase muito má... Sei que dizes para melhor explicar, mas quem passa por uma fase má significa que não está a aprender nada... Diz antes que estás a atravessar uma fase difícil, exigente... Tens mais obstáculos pela frente do que aqueles que gostaria de encontrar; mais do que aqueles que merecias encontrar...

Responde-me apenas: estás a lutar? Mas a lutar mesmo? Sem pena de ti, sem duvidar mesmo? Eu sei, Lis, todos nós temos o direito aos momentos em que pomos a armadura no chão só para chorar e lamber as feridas. Não é fraqueza é necessidade mesmo.

Pergunto de novo: estás a lutar?

Então, admite a possibilidade de um dia destes te olhares ao espelho, cheia de orgulho, comentando para ti: Bolas, custou mas consegui....

E nunca te esqueças do que sempre te tenho dito: quem tem um sorriso contagiante como o teu acaba sempre por abrir o coração das pessoas. Porque um sorriso desses não vem do nada, não é postiço... É teu. Mostra-o a toda agente. E um dia terei todo o orgulho em ouvir as tuas histórias de vitória.

Beijinhos

Moon_T disse...

Caro Jorge,


pelo que tenho visto os nossos estimados dirigentes tb já poupam oa contrario do que apregoas:

os Bouquets de flores que servem para centro de mesa nas reunioes inuteis já passaram de 250€ para uns miseros 150€ ;

já só têm 4 secretarias em vez de 6;

e já só lhes sao atribuidos por volta de 4 motoristas para os 4 carros topo gde gama.

penso até que estamos no bom caminho nao?
(NAO)

As dicas até que sao porreiras mas... esse jornal é portugues?

1- se tivesse dinheiro para o que preciso seria optimo fazer uma filtragem ao que nao preciso mesmo.

2- poupar? o que?

3- a mesma resposta do ponto 2

4- um registo das despesas pede um bloco e uma caneta para apontar...NAO HA , despesa desnecessaria. (esses gajos estao a dormir?)

5- posso sempre cortar na renda, ou mesmo deixar de trabalhar, visto que tar a trabalhar para aquecer tambem nao nos leva a lado nenhum.

6. eu faço o orçamento do mês como é obvio: dia de S. Receber fica a conta a zeros , depois é tentar manter...

7- nas alturas que o tinha até evitava...



bahhh

oh Jorge , cócó para ti! primeiro dia de ferias e venho cá ler isto????
É uma boca a dizer que nao queres pagar o café???
mesmo assim nao sei se te safas...



ps.
as melhoras para o rebento

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande moon_t


Fica a saber que não és o primeiro, hoje, a dizer "cocó para ti", sendo que o puto cumpriu a ameaça... Ahhh, e já me vomitou todo, está a reagir mal ao antibiótico. A ver vamos... Já pensei em misturar com cerveja, mas só de pensar já ia parando do terceiro andar ao meio da rua... rs... rs...

No mais, obrigado...

E não, não me quero safar, mas não está fácil convencer o puto a deixar-me sair de casa... rs... rs... rs...

Boas férias, em ainda te mando um email

Aquele abraço

PS - Espero que andar teso não seja desculpa para umas grandes férias... rs... Eu, com ou sem dinheiro, sou um pouco ara o atrevido, atiro o barro à parede e logo vejo. A alternativa é ficar doente e sem vontade de me levantar...

Pax disse...

"Eu confesso que a alegria que senti por te ver de novo aqui (...)"

Jorginho, dentro de dois dias virei aqui melgar-te tantas vezes que ainda has-de pedir clemencia!

Beijos :)

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs....rs...


Pax

Promessas.... rs.. rs...


Beijocas

Pedro Correia ou Poeta Acácio disse...

xiiiii... meu caro acho que o governo é a única despesa que todos temos... e não é que o raio do governo nos põe nas lonas?!... raisparta!... hehehehehehehehehe

Um abraço

TENHO DITO

Pax disse...

Até parece!!!

Alguma vez te disse algo que não tenha cumprido?!
Hum?!
(Ok, também não te devo ter prometido nunca nada, mas isso agora são detalhes que não importam nada para a conversa ;)

Beijos :)

Leo disse...

.hoje estou muito poupadinho...nos comentários ;-P

D.Antónia Ferreirinha disse...

Poupar?
Pois eu até vou falar ou escrever mal, eu não consigo poupar um caralho.
Beijinhos.

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande poeta


Eu oferecei-me para fazer cortes aí... Sei que não sou os únicos culpados, mas um bocadinho de humildade só fazia bem ao Governo... E, já agora, mexerem-se um bocadinho mais... Maior competência também ajudava... rs...

Abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs...rs...rs..

Pax

É verdade que não me parece que sejas pessoa de prometer e não cumprir... rs... Por isso, aguardo com serenidade... rs..


Beijocas

Jorge Pessoa e Silva disse...

Leo


Comentário não é gasto, é investimento... Força... rs... rs...


Abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...rs..

D. Antónia

Não poupar um caralho é, no seu sentido literal, uma qualidade que a maioria dos homens apreciam..... rs... rs... rs... rs..

A tua fibra e a tua frontalidade é uma qualidade que eu aprecio muito...

Beijocas

Equilibrista disse...

Bem... eu ainda governo pouco o dinheiro...
Tenho dificuldade em comentar... =p
Mas ainda governo o meu, a mesada va... que vá... é uma brincadeirinha de crianças, mas tb é pequenina ao ponto de igualmente parecer uma criança (e eu sou poupadinha, acredita!).
Lá vai dando pa chegar ao final do mês...
Comento so o 7º ponto... se ninguem te passasse cartão, este blog andava às moscas, o que não é o que aparenta...

=)

Beijinho*

P.S.- É pena termos de gastar o dinheiro nos médicos, mas às vezes torna-se essencial, agora comparares médicos a multas... bem, amuei!! =(

Brincadeirinha***

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olha equilibrista

Eu quando andava na faculdade também me fazia confusão ter mesada equivalente ao que certos meninos gastavam num noite de copos... rs... E desde cedo me mentalizei que não posso contar com grandes benesses de quem quer que seja, tenho de me governar com o que tenho...

O que os médicos e multas têm em comum, é que, por norma, só aparecem porque fizemos alguma asneira ou cometemos alguns excessos... rs... rs... No mais, nada tem a ver... A um médico a gente paga e agradece se a coisa correu bem, uma multa deixa-nos sempre pior do que estragados... rs... rs...

E já agora, equilibrista (gosto muito mais do teu nome próprio :-) ), um pedido: eu sei que os médicos são mal pagos e por isso optam também pelo privado... Tens direito, como todos, a uma vida desafogada e sem problemas. Tal como nós temos direito a contar com o teu talento, a tua paixão, a tua vocação... Logo, vai com calma com isso de ganhar dinheiro, ok?... :-)

Beijinhos

Equilibrista disse...

Hum... sinceramente, neste momento, não penso nessa coisa de ganhar dinheiro... quando digo que vou ser medica muita gente me fala no dinheiro, mas encaro a minha futura profissão não como algo que me vai fazer ganhar dinheiro, mas como algo que farei e de que vou gostar...
Não sei como vou ser daqui a uns anos... espero que os meus princípios não venham a mudar, eu não tenho pressa em ganhar dinheiro, tenho bem mais pressa em ganhar experiência, e ganhar conhecimento...
O dinheiro faz falta, é verdade, mas nunca foi uma prioridade na minha vida, de todo e de todo que não fui de medicina por isso, além de que pensar em ganhar muito dinheiro, muitas vezes acarreta descurar da família e pessoas de quem a gente gosta, e digo, não estou disposta a isso! Isso é uma das partes da medicina que mais medo me mete, ter medo de não conseguir ter tempo para a familia, e para aqueles que amo e que me amam! Eu quero ter familia, filhos, e ter tempo para lhes dedicar... Espero conseguir me Equilibrar, e conciliar tudo!
(aqui foi o real desabafo!)
O meu nome, eu também gosto... mas achei que o equilibrista é algo que me define bem também, e está bem de acordo com o meu blog!

P.S.- já ando para escrever um novo post, mas o cansaço não me anda a deixar... vou juntar dois fins de semana num post só... =)

**

José Faria disse...

"Tui nem brinques, rapaz..." eu sou uma menina! =) beisoka*

Jorge Pessoa e Silva disse...

Equilibrista


Não espera eu outra posição tua que não esta... O que às vezes me choca, é que haja médicos que desviem doentes ou o seu próprio empenho para o privado, para o seu próprio consultório... Que no público façam tudo a correr, que no consultório se desfaçam em sorrisos...

Eu sei que parte da solução seria o público pagar bem melhor, mas os doentes não têm culpa...

Tu serás uma médica extraordinária... Se mantiveres a paixão que tens, confiarei a minha vida nas tuas mãos, não duvides disso...

Sim, não percas a noção das prioridades e a família é importante para ti. E para os teus futuros pacientes, que serão tão ou melhor acompanhados quanto melhor tu te sentires.

Por último, de facto já era tempo de mais um post, certo?

Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...rs...rs....r.s.


Viva José Faria...rs...rs...rs..


Meu Deus, que grande barraca... Como é possível eu ter lido José Faria e não ter percebido logo que era uma menina... rs.... rs... rs... rs...

Olha, agora a sério, foi barraca minha. Ainda por cima eu fui ao perfil para entrar no teu blog e não reparei que estava lá "feminino"... rs... rs...

Quem me conhece há mais tempo neste espaço e alguns que me conhecem pessoalmente, sabem que eu sou o rei das gaffes... rs... Até no meu jornal todos já sabem da forma como costumo meter os pés pelas mãos...

Terei perdão?

A única vantagem é que agora te posso mandar dois beijinhos. Um por agora, outro pelo anterior comentário... rs...

José Faria disse...

Só tens perdão se me deres mais um :P muahahah

é normal esse tipo de gafes :P

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs...rs...rs...


José Faria

Até dou de avanço para outra gaffe qualquer... rs...

Dois beijinhos

Carla Sofia disse...

É isso mesmo Jorginho. Tens toda a razão no que dizes. Poupar em quê? Se nem para o essencial e básico chega?
beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olha Carla Sofia

Eu por exemplo, não tenho poupado a vista para ver a tua nova fotografia... rs... rs... Quando mandas as outras para completar o puzzle... rs... rs...


Beijinhos

vita disse...

Eu já não posso poupar mais, mais um cadinho e nem como, sempre poupo o papél higiénico também e a água do autocolismo.;(

Beijo querido

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Vita


Nem penses numa coisa dessas... Olha, eu como demais (agora que deixei de fumar é um exagero ainda mais exagerado... rs) haveria sempre para mais um, se fosse preciso... rs... rs...

Beijiiiinhos