segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Disfunção eréctil

Dou valor às farmaceuticas que investem em questões realmente importantes como a disfunção eréctil. E num dos anúncios que anda agora na berra, a frase que mais me chamou a atenção foi «não vire costas à disfunção eréctil».

Ora aí está algo que nem era preciso apelar. Se há coisa a que nenhum macho vira as costas é a tudo o que seja eréctil, com ou sem disfunção, que nestas coisas nunca fiando...

Às vezes, naquelas conversas de ocasião que se têm porque sim, ou para matar o tempo ou porque o elevador nunca mais chega ao 16.º andar, ou pelo que quer que seja, atiramos com a pseudo graça que muitos homens nunca virarão as costas a algo eréctil porque têm medo de gostar. E logo se dá por exemplo que quem evolui da hetero para a homossexualidade acaba por comprar apenas um bilhete de ida...

O que não deixa de ser verdade. De resto, acabei de ter uma ideia deveras inspiradora, daquelas frases que se arriscam a integrar o manual das 123 457 citações mais inúteis para a melhoria do bem estar do Mundo em geral. Guardem, que um dia ainda vou ser famoso:

«É mais fácil um macho acreditar que a homossexualidade é boa do que na vida para além da morte. É que no primeiro caso não falta quem regresse para contar...»

18 comentários:

Shui disse...

Olha que eu não me importava nada de ir e regressar... não te digo é onde!
Quanto ao tema é algo muito muito delicado.
.
.
.

Bj daqui.

Miss Shag well disse...

Quando vejo, na mesma frase, virar as costas e eréctil, vem-me sempre á cabeça isto:
"I bring my bare back
to your villainy."

(O Fortune - Carmina Burana)

Portanto, se o virar de costas for sublime, feito pela pessoa adequada e "bare" até pode ser útil...LOL

Bjssssssssssssssssss

Joao Filipe disse...

Grande Jorge

Frase profunda e inspiradora. Sem duvida.

"Nunca vires costas à fama que te aguarda, pois nunca sabes qual o preço que há para contar."

Abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs..rs..

Viva Shui

Estou ainda a pensar se não teres dito onde é bom ou mau no que à mudança de coloração da minha pele diz respeito...rs..rs..rs..rs..

Tema delicado? Muito!

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs..rs..rs..

Viva Joana

Bare back? Escrito tudo junto ou separado...rs..rs..rs..rs..rs...

Beijocas... rs..rs..

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande Nico

Eu aqui na palhaçada e tu escolheres citações que valem a pena ser lidas. Obrigado por emprestares um pouco de juízo a este espaço... rs..rs..rs..

Grande Abraço

Luxúria x Tentação disse...

Costas, eréctil, função... mmmmm água na boca!





*Beijos ao sabor do mar*
Tentação

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Tentação

Àgua na boca e com sabor a mar :-)


Beijos retribuídos com carinho

Equilibrista disse...

Ola =)

Eu tenho andada meia desmaselada no que a blogs diz respeito, acho que andei a fazer nas férias as coisas que não fazia durante as aulas, mas agora, vai tudo começar outra vez...

Ora, posto este post, eu vou-te fazer uma pergunta que costumo fazer aos homens:

"Preferias ser homossexual ou impotente?"

Um beijinho**

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs..rs..rs..

Viva Equilibrista

Gosto do teu estilo...rs..rs... E lamento ainda não me ter lembrado dessa questão nas conversas subversivas com os meus amigos, em qued lanço a confusão com a pergunta do estilo »quem por um milhão de euros faria sexo com um homem?»...rs..rs..rs..

Eu prefiro o amor e o prazer. Por isso, nem hesito: preferia ser homossexual a ser impotente... E se fosse homossexual, haveria de o assumir, discretamente, que eu não sou exibicionista nessas coisas. Independentemente da orientação sexual. Incomoda-me tanto dois homens a beijarem-se intensamente no banco da frente do autocarro como um homem e uma mulher a lançarem saliva por tudo quando é canto...rs..rs..rs..rs..

Espero que, de facto, tenhas aproveitado bem, porque o que aí vem é de novo duro. Espero é que não tenhas agora 1245 fármacos para decorar...rs..rs..rs..

Beijocas

Equilibrista disse...

Este ano vou ter uma cadeira que se chama Terapeutica médica! Mas para já nem quero pensar nisso, já que é só lá para o final do ano (entenda-se lá para maio do ano que vem!).
Este ano começa aquilo a que eu chamo: "Medicina a sério" que é mais giro e estimulantes, mas ao mesmo tempo tão diferente que ao início é o suficiente para me assustar um bocado!
A minha saga nos próximos quinze dias chama-se Endocrinologia! Para já convém-me saber tudo e mais alguma coisa sobre diabetes, e pelo pouco que sei, tu devias cuidar-te e fazer um rastreiozinho ;)

**

Jorge Pessoa e Silva disse...

Equilibrista

Por acaso, estou numa fase de reduzir o açucar, leia-se doces, para metade. É que até eu me surpreendo com os resultados de açucar do sangue. De qualquer forma, convém não abusar da sorte ou do metabolismo aos doces ou o que quer que seja.

Olha, e quando começa aquela parte da medicina legal? Cruzes....rs..rs..rs..

Beijinhos

P.B. disse...

rsrsrs

Estou a ver que voltaste em grande rsrs

Grande citação!

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs.rs..

Viva P. B.

Eu sou assim: se é para inventar, que seja em grande...rs..rs..rs..

Beijinhos

provocação disse...

E com isso do vida após a morte esperemos então que o Patrick Swayze protagonize um "ghost" versão sem claquete ;)

Jorge Pessoa e Silva disse...

:-) Viva Provocação

Olha, não tenho pressa em ver, em especial se for exibido lá do outro lado...rs..rs..rs...

Definitivamente, sem claquete...rs..rs..

Beijinhos

Equilibrista disse...

LOL, eu tenho medicina legal no 5º ano! Apesar de não saber até que ponto estavas a tentar fazer um trocadilho com isso =p

**

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs..rs..rs..


Equilibrista

Uma das... vantagens de estar sempre na palhaçada é as pessoas questionarem o que quero dizer até com um simples e inocente «bom dia»...rs..rs..rs...

Decididamente, eu nunca poderia ser médico, quanto até dar uma injecção me afligiria, quanto mais dissecar cadáveres... Cruzes...

Beijinhos