terça-feira, 17 de junho de 2008

Obrigado Caixa, obrigado BES

1
Comecei a delirar:

E se eu um dia decidisse dedicar-me à indústria petrolífera, quem me apoiaria?
A minha família? Os meus amigos de sempre? O Murtosa? Não, esse só apoia o Scolari...
E nas minhas poupanças, quem me apoiaria?


MAS QUAIS POUPANÇAS????!!!!

Senhores da Caixa Geral de Depósitos: escusam de gastar dinheiro na publicidade do Scolari porque, tirando ele e poucos mais, ninguém está em condições de ser ajudado na gestão das poupanças. Seria mais útil ajudarem a sério nas dívidas que quase todos temos...

2
Escusam de se estar a rir, senhores do BES, que vocês bem me enganaram. Prometeram-me uma conta igual à do Cristiano Ronaldo, mas esqueceram-se de acrescentar uns zeros...
Esfreguei na bola de futebol e o génio da bola bem me enganou... Para isso, prefiro de longe esfregar noutra coisa. E sempre me divirto mais...

20 comentários:

Anónimo disse...

Olá Jorge!
É por estas e por outras que o pessoal está a voltar a jogar nos matraquilhos, a fazer "nics-nics" aos sábados à tarde à sombra dos pinheiros lá da zona, a remendar as meias à luz de velas, a não dar os restos ao cão...Acho que estamos mais pobres agora do que os nossos pais há 20 anos atrás. Gostava eu de saber quem são os malandros que arranjam dinheiro para fazer férias no estrangeiro? Mais, vou passar a vigiar a minha conta bancária ao pormenor pq ainda não percebo como é que chego ao fim do mês com traças na carteira...
É uma put..de uma vida é o que digo!!
Luisa

Jorge Pessoa e Silva disse...

Pois é, Luísa

A malta a jogar matraquilhos e o Scolari a jogar... pimbolim e a andar de avião e a ser mimado pelas aeromoças...

O que eu acho bem, os pobres é que têm de ir para cima, não os ricos para baixo.

SílviA disse...

Eles bem precisam de publicidade. Porque Caixa e BES deixam muito a desejar. :P

paulalee disse...

Nenhum dos dois é meu banco preferido, tive conta no primeiro, no segundo fechei a minha conta. Haha, eu ainda prefiro aquela campanha do BES em que uma pessoa sai chamando todo mundo de pai... Óptimo seria então misturar a propaganda do BES com a da Caixa e sair gritando para o Scolari: Paaaaaaaai! Paaaaaaaai!

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva Sílvia, sê muito bem vinda. Obrigado pela visita, esta é uma casa de gente que, saudavelmente, não bate bem, de gente fiel e que gosta de mandar postas de pescada porque sim. Por isso, gostava muito que voltasses.

No mais concordo contigo. Em relação à Caixa ficou o trauma de infância de ir com a minha mãe para intermináveis filas para tratar do que quer que fosse. Em relação ao BES, digamos que eles gostam tanto de mim que tão depressa não me aliviam a carga dos empréstimos que lá tenho para que os possa pagar mais depressa...

Jorge Pessoa e Silva disse...

ESPERA, ESPERA SÍLVIA... Quase que me esquecia de uma coisa muito importante. Numa das próximas vezes que passares por cá conta-me muito resumidamente como está a "nossa cidade"... Continua linda?

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs..rs..rs..rs...rs...rs...rs...rs...rs..rs..rs...

Meu Deus...rs...rs... obrigado pela gargalhada, estava mesmo a precisar, Paulinha...

Se fosse a si corria a registar essa ideia, nunca se sabe se não há gente do BES ou da publicidade lendo este blog... rs...

Beijinho grande

Filipa Sousa disse...

Oh pá eu tenho conta no BES não é que me possa queixar, até tenho sido bem tratada, mas tb não me saíu uma conta como a do Cristiano...pq será?


Lolo

Bj grande Jorge

Jorge Pessoa e Silva disse...

... só se foi porque não esfregaste bem na bola do génio... rs... rs...

Olha eu, infelizmente, tenho-me dado mal com o BES em várias situações

Casal Tuga disse...

Temos conta em ambos e realmente deixam mesmo muito a desejar, como disse a nossa amiga Sílvia!
A caixa geral sendo uma instituição estatal, deveria ser a mais favorável para os cidadãos, mas não o é, a exemplo do próprio estado!
Como é do conhecimento de todos uns dos maiores responsáveis pela situação em que a maioria dos Portugueses se encontra, são precisamente as instituições bancárias com as suas falsas promessas, publicidade enganosa e as letras minúsculas no fundo dos contractos.
Aproveitando-se da distracção, de quem nesse preciso momento se encontra aflito com uma ou outra situação!
Oxalá, não aconteça cá o que ja aconteceu noutros países, onde o povo de revoltou e gerou um verdadeiro estado de sitio, invadindo em massa, hipermercados, bancos, lojas etc etc... Pegando em todos os bens que necessitavam, os quais o sistema estatal, covardemente os impediu de adquirir!


Bjs & Abraços

D.Antónia Ferreirinha disse...

Eu cá vou ao Totta, rsrsrsrs.
Venha o diabo escolha, ninguém dá nada a ninguém.
Beijinho.
Já há logo, podes ir buscar se quiseres.

Rosa dos Ventos disse...

É verdade!
Aperto muito mais o cinto agora do que há vinte anos...
E olha que estou um pouco mais gorda, por isso custa bastante! :-((

Abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Já tenho os nós dos dedos doridos de tanto bater na madeira, casal Tuga... Esperemos que não chegue a tanto. Os bancos são com,o as seguradoras: os papéis aparecem prontos em dois minutos quando é para vender produtos, demoram uma eternidades quando é para pagar... Mas entre chorar e rir, para já prefiro rir. Amanhã? Amanhã logo se vê...

Beijinho e abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva D. Antónia... Às vezes questiono-me se a D. Branca não era uma santa, que até rima, só não sei se é verdade... rs...

Já lá vou ver o logo. Para mais, quer o slogan, quer o logo, eram os meus favoritos

Beijinho

Jorge Pessoa e Silva disse...

O problemas, Rosa dos Ventos, é que qualquer dia as calças caem de vez, não há cinto que resista... O verdadeiro país de tanga... E para mim até fica mais fácil fazer o maguito sem ter de recorrer aos braços... rs...

Obrigado pela visita

Olá!! disse...

Olha eu cá estou a pensar comprar um colchão com esconderijo LOL, acho que me andam a gamar

Beijossssssssssss e obrigada pelas gargalhadas que dou aqui

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olá, Olá

Em primeiro lugar muito obrigado pela visita, até porque me dá oportunidade de brincar um pouco com as palavras e eu divirto-me imenso a escrever Olá, Olá... rs...

Em segundo, cuidado, não vás comprar um colchão de... água...
Será muito útil para certas actividades, mas pouco prático para guardar dinheiro... rs...

Obrigado eu.

Beijinho

PS - Vou-te revelar uma coisa que quase ninguém sabe sobre mim: poucas coisas na vida me dão mais prazer do que fazer rir uma mulher. É sublime. Por isso, obrigado eu

SílviA disse...

Fantástica. Uma beleza :)

Não me posso queixar de não ter programas culturais, serviços, monumentos e filas de transito :P

Beijo e obrigada pela recepção. Afinal foste tu que me encontraste.

Ah...e Terras de Bouro...o Gerês está cada vez mais bonito (digo eu que sou suspeita).

SílviA disse...

Alto...eu queria dizer que as filas de transito sao pequenas...nao que as tenho.lol.

Jorge Pessoa e Silva disse...

Obrigado Sílvia... Que saudades... Por motivos vários, há cinco anos que não passo férias na minha aldeiazinha... Ali tão perto do Gerês, de Vilarinho das Furnas, do S. Bento da Porta Aberta; da barragem da Caniçada; de Caldelas e, claro, de Braga, entre tantos outros locais de culto...

Filas de trânsito tenho eu aqui em Lisboa... rs... e das grandes... Se não fosse por razões profissionais, era aí que eu gostava de viver... A ver se é este ano que aí vou de férias...

Beijinho e obrigado