quinta-feira, 1 de julho de 2010

a minha filha e os beijos

Vá lá saber-se porquê, a minha filha, a caminho dos oito anos, vira a cara sempre quer vê um casal a dar um beijo na boca. E acompanha esse desdém com uma cara de quem acabou de engolir óleo de fígado de bacalhau e um sonoro e bem pronunciado «que nooojoooo».

Eu sei que a minha função de pai seria explicar-lhe o significado do beijo, dos afectos, do carinho... Mas, na hora certa, acabo por desistir. E dou por mim a gostar desta reacção dela. É que enquanto ela pensar assim, sempre vou poupando na... caçadeira.

PS - Agora a sério: estava a pensar dar-lhe umas luzes sobre educação sexual quando ela acabasse o doutoramento. Será muito cedo?

14 comentários:

Pedro Correia ou Poeta Acácio disse...

devo recomendar cartuchos de zagalote quando for preciso fazer tiro ao alvo aos moçoilos... hehehehehehe
O tiro acaba por abrir em leque e abranger uma área maior no nalguedo do rapazola... hehehehehehehe

Quanto à pergunta... ehh lá... só quando acabar o doutoramento??? deve ser cedo demais, deve... ou se calhar não... hehehehehehehehehe

Abraço

TENHO DITO

@tt disse...

Meu querido...

... começou tarde?!?!




(Não respondas!)
Beijos***

**laura** disse...

deixei comentário e não aparece :( vou tentar repetir...

Adorei este post lol fartei-me de rir!
Acho bem já teres a caçadeira pronta... afinal, antes do doutoramento ainda tens de enfrentar a adolescência e os belos anos de faculdade, convém mesmo que tenhas a caçadeira e as munições preparadas! :P :P

Beijinhos**

P.B. disse...

rsrsrsrsrs


Normal na idade dela, achar nojento, mas sinceramente, daqui a menos de 10 ela já deve ter outra opinião. Reconsidera lá a ideia de esperares pelo doutoramento!

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande Poeta Acácio

Terás tu uma filha? É que me pareces muito bem documentado..rs..rs.. Mas já tomei nota...rs..rs..

Abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs..rs..

Attitude

Digamos que para os parâmetros habituais, foi assim para o... tardito...rs..rs..

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

rs..rs..rs..

Viva Laura

Até já abri uma conta 'poupança-caçadeira' rs..rs..rs..

Beijinhos

Jorge Pessoa e Silva disse...

P. B.

Olha, vou reconsiderar para quando fizer os 50...rs..rs..rs..

Olha, mais a sério, se for só daqui a 10 anos que ela vai passar a gostar, já me dava por feliz...rs..rs..

Beijinhos

P.B. disse...

Pois acredito que fiques, mas eu disse menos de 10 anos que é o mais provável.
:D
Lamento desiludir-te!

Jorge Pessoa e Silva disse...

P. B.

Pois, relendo escreveste de facto menos de 10 anos. O que quer dizer que olhos de pai, em assuntos da sua filha, não... sabem ler... rs..rs..rs..

Menos de 10 anos?!!! Pois... rs..rs..

Beijinhos

Pedro Correia ou Poeta Acácio disse...

ahahahahahahahahahahahahah
por acaso n tenho filhos... mas digamos que nesta parte de caçadeiras e tal e coisa tou um pouco informado... minimamente claro... hehehehehehe

Grande abraço

TENHO DITO

Márcio disse...

Ora viva grande Jorge!

Estou certo que a cada «que nooojoooo», surgem brilho nos olhos...

Desejo de muitas felicidades...

Jorge Pessoa e Silva disse...

Poeta Acácio

Fazes bem estar informado, sempre levas de avanço ao teres os trabalhos de casa bem feitos...rs..rs.

Abraço

Jorge Pessoa e Silva disse...

Grande Márcio


No que a um filho diz respeito, há sempre brilho nos olhos. Nem que seja quando eles estão a fazer a maior das patifarias...rs..rs..

Grande abraço e beijinho ao meu casal favorito que conheci na blogosfera