segunda-feira, 17 de maio de 2010

Apelo patriótico

Caiu fundo o apelo patriótico de José Sócrates a todos os portugueses para que aceitem estes sacrifícios todos em nome de Portugal. Fiquei mesmo sensibilizado... Aliás, emocionei-me de tal maneira que já estou de bandeira em riste e a carteira aberta em cima da mesa para que os senhores se sirvam. Em relação ao normal a única diferença é que, agora, estou de bandeira em riste... Viva Portugal.

Tenho de anotar o que significa patriotismo no dicionário do nosso primeiro: aceitar que os políticos nos vão ao bolso para tapar os buracos que os políticos andaram a cavar. Há também quem lhe chame, em termos técnico-científicos, 'baixar as calcinhas'. ´
Vá lá que desta vez estão a pôr vaselina...

4 comentários:

Anónimo disse...

E qual é a novidade... Já esperava por isso há algum tempo

Jorge Pessoa e Silva disse...

Viva anónimo

Mas por muito que a gente espere, quando chega a hora doi sempre imenso...

Abraço ou beijinho consoante o caso

provocação disse...

Só gostava que ele recuasse com o raio do aeroporto. Pelo menos com o aeroporto que não me faz ainda muito sentido.

Jorge Pessoa e Silva disse...

Olá Provocação

O TGV também não entendo bem, porque, ao que soube, apenas podemos ir a Madrid, ponto final. Ou seja, a Madrid pode-se ir de avião ao preço que, sensivlemnete, deverá ficar o TGV.

Bem, e a terceira ponte sobre o Tejo, então...

Beijinhos